EscritArtes

Textos => Poesias => Tópico iniciado por: Alfredo D em Abril 12, 2010, 19:22:11



Título: Por deus
Enviado por: Alfredo D em Abril 12, 2010, 19:22:11
Por mim,
por ser deus com o pranto dos homens,
pelos pais e pelas mães dos homens sempre meninos,
por ser eu dor e alegria na vida e na morte,
por ter braços de alma a minguar desditas,
por me dar a ser igual a todos os mortais.
Por ser eu dado a todos em vossa plenitude.
Que haja luz no pranto e na alegria!



P.S. Em memória da mãe do nosso moderador José António.


Título: Re: Por deus
Enviado por: Manuel Antunes Cardoso em Abril 13, 2010, 19:18:21
Um pranto dedicado e singular.Apreciável!


Título: Re: Por deus
Enviado por: margarida em Abril 13, 2010, 19:57:36
Bem, fiquei emocionada! Belíssima homenagem!


Título: Re: Por deus
Enviado por: Goreti Dias em Abril 13, 2010, 20:14:56
Luz e paz lhe vi no semblante. Tão serena...
Abraço


Título: Re: Por deus
Enviado por: Lucrécia Bórgia em Abril 13, 2010, 20:25:53
Parece que de vez em quando este deus se compadece dos homens. Subiu em minha consideração. Os meus sentimentos para o nosso querido moderador.


Título: Re: Por deus
Enviado por: Manuel Antunes Cardoso em Abril 13, 2010, 21:08:32
Vale uma nova leitura e pensamento.


Título: Re: Por deus
Enviado por: Alfredo D em Abril 13, 2010, 21:09:41
O prazer é todo meu por ter o prazer de deus em humanas visitas.Gracias!


Título: Re: Por deus
Enviado por: gdec2001 em Abril 13, 2010, 21:26:25
Este deus, é pelo sentimento, um homem.
Em breve será um Homem .
um abraço, ao deus.
Geraldes de Carvalho


Título: Re: Por deus
Enviado por: josé antonio em Abril 14, 2010, 05:47:18
Alfredo D,

Agradeço a Deus ter-me oferecido a mãe que me ofereceu e a si homem-deus, a sua amizade e sensibilidade tão fortes neste grato poema!

Grande abraço
José António


Título: Re: Por deus
Enviado por: Alfredo D em Maio 10, 2010, 18:44:10
Quem dá de tudo o que tem sem nada esperar em troca, ou tem raízes de deus ou firmamento de homem são.