EscritArtes

Textos => Pensamentos => Tópico iniciado por: carlossoares em Janeiro 09, 2020, 22:36:10



Título: O sentido da vida
Enviado por: carlossoares em Janeiro 09, 2020, 22:36:10

O sentido da vida
Ainda bem que a filosofia, e não tanto a investigação empírica, não tem como objecto a formulação de receitas para responder a questões e, muito menos, a resposta teórica a problemas de ordem prática.
A própria questão do sentido dificilmente será uma questão objectiva, quanto mais a questão do sentido da vida, da minha para os outros, para mim, e dos outros para mim, para eles. E, em tudo o que tiver de objectivo, provavelmente, já não é uma questão do sentido que se interroga, mas do sentido de que se parte.
Dentro das escalas e acepções possíveis de sentidos, imediatos, de mero expediente, de sobrevivência, ou teleológicos, biológicos, culturais, é possível concluir que tudo faz sentido, ou não, consoante a "oferta" de "sentido" disponível na cultura.
Do mesmo modo e ainda de acordo com essa oferta, seja ela religiosa, filosófica ou científica, não existe nenhuma "oferta" meramente subjectivista. A própria religião recusa peremptoriamente qualquer resposta subjectivista, relativista, pessimista, para a questão do sentido da vida.


Título: Re: O sentido da vida
Enviado por: Goreti Dias em Janeiro 22, 2020, 17:16:56
Que o sentido da vida seja apenas viver. Basta.


Título: Re: O sentido da vida
Enviado por: carlossoares em Janeiro 23, 2020, 23:23:39
Goreti,

não sabemos, nem saberíamos o que é "apenas viver". Apenas viver pode ser terrível. Há viver e viver. Em cada um de nós há o sentido da vida que nos interessa, como se fosse um chamamento da nossa inteira confiança. Mas não temos a garantia ou a certeza de não estarmos enganados. Muitas vezes, nem depois de vivermos estamos em condições de concluir, com alguma segurança, sobre o sentido que tudo faz.