EscritArtes

Textos => Letras => Tópico iniciado por: damasco em Julho 09, 2008, 23:24:03



Título: As palavras que nunca te direi
Enviado por: damasco em Julho 09, 2008, 23:24:03
Arrebol, rubicundo, benzodiazepina, pucritude, ósculo, lexicografia, escachar, potestade, fístula, acróstico, defenestrar, godilhão, tumescente, iniquidade, pletora, endocrinologia, logradouro, sincretismo, epistemografia, esdrúxulo, anti-inflamatório, algorítmico, aminobutírico, escolastiscismo, hematolinfopoiéticos, escroto, necrópsia, decaimento, onomatopeia, catalepsia, cinestesia, linfoproliferativa, obturador, pneumo-coniose, troglodita, cardisplicente, esternoclidomastóideo, traqueia, xantelasma, nalga, parcimónia, genoflexório, núncio, euglena, vicissitude, perfunctória.


Título: Re: As palavras que nunca te direi
Enviado por: Dionísio Dinis em Julho 09, 2008, 23:29:06
Faz muito bem em não as pronunciar mas, ficam lindamente em exercício de escrita!

Abraço


Título: Re: As palavras que nunca te direi
Enviado por: Laura em Julho 10, 2008, 20:01:07
Sortuda, ela... espero que também não a obrigue a ler... :woot:


Título: Re: As palavras que nunca te direi
Enviado por: Goreti Dias em Julho 10, 2008, 20:31:34
Eu prefiro o "defenestrar"!!! Como eu a leria e poria em prática algumas vezes!!!!!
Sabia que este título é título de um livro bem agradável de se ler?
Um abraço


Título: Re: As palavras que nunca te direi
Enviado por: damasco em Julho 10, 2008, 22:15:26
Alexandre O'Neill tem um livro chamados 'Os defenestrados', não sei se é esta a referência da Goreti; Camilo Castelo Branco praticamente começa 'Amor de perdição' com "O arrebol dourado e escarlate da manhã da vida! As louçanias do coração que ainda não sonha em frutos, e todo se embalsama no perfume das flores". Duas palavras (arrebol e louçania) que não me atreveria a verbalizar.
Sorte a dela, como diz a Laura. Ainda se escachava a rir.  :woot:


Título: Re: As palavras que nunca te direi
Enviado por: Laura em Julho 10, 2008, 22:24:11
Agora tinha-se rido.... :woot:


Título: Re: As palavras que nunca te direi
Enviado por: Inês em Julho 11, 2008, 21:47:37
Olha Damasco, incrível imaginação combinar palavras raras por diversão;
algumas selecionei para meu uso diário: arrebol, vicissitude, perfunctória...
e outras vou pedir sinônimos porque aqui no Brasil não são comuns.
Um abraço, amigo


Título: Re: As palavras que nunca te direi
Enviado por: Jorge Luiz Alves em Julho 26, 2008, 11:20:59
Dá-se o inverso comigo - eis aqui, lista de belos vocábulos... para impressionar o eleitorado! Viver é a arte de fazer política em viva voz... e muitos vernáculos ("toma-lá-dá-cá", e assim, caminha a Humanidade!). Abraço do Jorge Luiz.


Título: Re: As palavras que nunca te direi
Enviado por: damasco em Julho 26, 2008, 12:57:30
Palavras invulgares. Para dizer uma coisa qualquer. Para impressionar, seduzir, escrever, politizar, rimar, falar. Elas estão aí, disponíveis para os mais diversos usos. É só procurar, há de tudo. Mas não para mim, que nunca as direi.


Título: Re: As palavras que nunca te direi
Enviado por: Qel Cascarejo em Julho 29, 2008, 20:02:17
Penso q Goreti se referia ao livro: "As palavras que nunca te direi" de Nicholas Sparks  ( meu autor favorito) :D


Título: Re: As palavras que nunca te direi
Enviado por: damasco em Julho 29, 2008, 20:22:32
Penso q Goreti se referia ao livro: "As palavras que nunca te direi" de Nicholas Sparks  ( meu autor favorito) :D
Sim. E o título remete directamente para esse livro. ;)


Título: Re: As palavras que nunca te direi
Enviado por: Goreti Dias em Julho 31, 2008, 19:21:38
Sim, referia-me a esse livro sim!


Título: Re: As palavras que nunca te direi
Enviado por: Tim_booth em Agosto 13, 2008, 18:42:49
Então? Não estaremos a ostracizar demasiadas palavras da bela língua portuguesa? Eu cá sou fã de um ósculo bem escachado, até, quem sabe, capturado pelo movimento de um rápido obturador de uma máquina fotográfica próxima...