EscritArtes

Textos => Letras => Tópico iniciado por: Inês em Julho 11, 2008, 22:23:18



Título: A dança das horas
Enviado por: Inês em Julho 11, 2008, 22:23:18
(http://i221.photobucket.com/albums/dd193/LOLYVIDA/IMG%20MUJERES/ANGELES/imagcentral-1.jpg)

A dança das horas

Transcorrido o instante, a carne nova
estréia em folha virgem seu verdor
do sonho que infinito sempre inova
os Niágaras de infância em esplendor.

Futura cachoeira hoje primária
ousará erguer com dulçor de sua entranha
à voz perene a melodia necessária
como horas que musitam cada manhã.


Elementar como um grão de poesia,
a  saudade eremita reconhece
a fragrancia essencial de uma fantasia
que em seu berço infantil rejuvenesce.


Fugaz é o tempo, luz no firmamento
pintando no planalto um doce brado,
potente, que se cala qualquer vento,
nas cantigas pastando pelo prado.

Floresta cega ao vento  anil chegando
sua tez entrega ao gênio dos espelhos
sua voz ao destino sem mais medo
dizendo-lhe segredos de seus olhos.


Inês Marucci
DERECHOS RESERVADOS



Título: Re: A dança das horas
Enviado por: Dionísio Dinis em Julho 11, 2008, 22:56:34
Que saudades eu tinha, de me deixar inebriar por esta excelsa lírica, que saudades!Gostei de ler e de sentir este poema, amiga Inês.

Abraço fraterno
 


Título: Re: A dança das horas
Enviado por: Inês em Julho 12, 2008, 15:43:08
Grata Dionisio, tua presença me encanta, carinho.