EscritArtes
Abril 13, 2021, 00:52:27 *
Olá, Visitante. Por favor Entre ou Registe-se se ainda não for membro.

Entrar com nome de utilizador, password e duração da sessão
Notícias: Regulamento do site
http://www.escritartes.com/forum/index.php/topic,9145.0.html
 
   Início   Fórum Ajuda Entrar Registe-se   *
Páginas: [1] 2 3 ... 10
 1 
 em: Abril 12, 2021, 19:06:32  
Iniciado por amandu - Última mensagem por Dionísio Dinis
E pensar basta para apreciar este poema.

 2 
 em: Abril 12, 2021, 19:05:27  
Iniciado por O Verso Vicia - Última mensagem por Dionísio Dinis
Para recordar com especial consideração.

 3 
 em: Abril 11, 2021, 20:55:34  
Iniciado por Nação Valente - Última mensagem por Maria Gabriela de Sá
Um copto toda a gente bebe de vez em quando, agora até ficar esquerdo é coisa nova!!!1  :yahoo:

 4 
 em: Abril 11, 2021, 20:21:04  
Iniciado por gdec2001 - Última mensagem por gdec2001
Alegra- me que este poema seja bastante apreciado porque deu-me muito gozo...compô-lo.
Obrigado amiga(o)s.
geraldes

 5 
 em: Abril 11, 2021, 19:19:12  
Iniciado por carlossoares - Última mensagem por Dionísio Dinis
Relendo, reavaliando e "regostando".

 6 
 em: Abril 11, 2021, 19:17:56  
Iniciado por gdec2001 - Última mensagem por Dionísio Dinis
Admirável a forma de transformar a palavra em instrumento de amor cantante. Os meus bravos aplausos.

 7 
 em: Abril 09, 2021, 20:39:13  
Iniciado por Nação Valente - Última mensagem por Nação Valente
XLI


Joaquim insistia que deviam continuar separados, até se resolverem os casos que estavam em investigação. Aproveitou para informar que já tinha um plano para a investigação do “estripador”. Iria contactar os investigadores da sua equipa da PJ, todos reformados, para o ajudarem nessa investigação. Será uma espécie de “brigada do reumático”, concluiu com alguma ironia
.

Aida aceitou a sugestão de Joaquim em viverem separados até á conclusão do caso do estripador. A seguir, Aida, concordou em mudar-se para Alfama, lugar a que Joaquim se sente uma ligação profunda. O casario o rio, são prolongamentos da sua vida. Deixará a fábrica entregue a Laura, assim como a vivenda onde habita. Entretanto, continuarão as últimas investigações da fase detectivesca de JCorreia. Para o efeito, o primeiro acto desta fase JCorreia, já previsto, será a reunião com os investigadores do processo do “estripador” que se encontram aposentados. A reunião foi marcada durante um almoço a decorrer na cervejaria Trindade.
Esteves, Galhardo, Vitorino e Batalha Romã aceitaram o convite de Correia, que alegou um encontro convívio, para recordar velhos tempos. Entre uns bitoques e uma cervejas, o inspector Esteves que tinha coordenado a investigação do caso do “estripador”, numa primeira fase, depois de uma troca de palavras ocasionais, perguntou:
- Afinal Correia, pelo que te conheço, e porque sei que não dás ponto sem nó, diz-me qual é a razão da reunião de toda a velha equipa que dirigi. Para mais, és o único que ainda teima em brincar aos polícias. Vai directo ao assunto.
- Tens razão Esteves. Sempre pragmático, e também é por isso, que te admiro. Pode parecer um absurdo mas fui abordado por uma amiga que passou pela prostituição, para voltar a investigar o caso do "estripador".
- Ó Joaquim, eu fui afastado desse caso, e agora estou reformado. Aproveito o tempo que me resta de vida para fazer o que antes não foi feito: pescar, respirar a brisa marítima, apreciar a boa mesa. Fumar um bom charuto. É para o que dá.
- Mas há uma coisa Correia, - disse Galhardo, que depois de ter sete filhas, desistira de ter um rapaz – que eu não percebo: que interesse tem essa tua amiga, num caso que já prescreveu? Eu, por acaso gostava de ter um varão, e não consegui. Paciência. Até já tenho netos, mas continua a ser tudo fêmea. Há coisas que são como são, e com as quais não vale a pena perder tempo.
-Ora Galhardo, ouvi-te dizer muitas vezes, que se te dessem carta branca para aplicar os teus métodos, tinhas chegado ao criminoso. Porra, estou a dar-te uma oportunidade. A minha amiga, mais que simples amiga, quer tentar chegar ao criminoso, a pedido de uma afilhada, filha de uma das vítimas. Que mas não seja para fechar o assunto na sua cabeça.
- Percebo Correia – disse Vitorino, o mais ponderado.- Isso mete rabo de saia. E queres agradar à tua dama. Sabes que sempre fui solidário, e me disponibilizei para ajudar os amigos. Mas tenho a mesma dúvida do Galhardo. O que é que isso adianta?
- Meus amigos- respondeu Joaquim – fiz-vos um convite, e são livres de aceitar ou não. Com ou sem a vossa colaboração, vou continuar. Mas vocês não têm nada a perder. Fazem uma pausa nessa vida de monotonia, e fazem o que melhor sabem fazer. Até acredito que se divirtam. A propósito estou a lembrar-me do meu pai.

Desde que comecei a conhecê-lo sempre o vi com uma pessoa activa. Foi contrabandista, esteve na guerra civil de Espanha, foi Guarda Fiscal, agricultor, e por fim emigrante. Quando passou á “retrete” como ele dizia, com sessenta e cinco anos, caíu de repente num vazio. Tinha alguma tendência depressiva. Percebeu que não podia ser e depressa deu a volta. Com as economias que trouxe da França investiu na recuperação da casa deixada pelos pais, e comprou algumas terras junto da ribeira que ladeava a aldeia, ou seja reinventou-se como agricultor, aliás como muitos outros companheiros de emigração que regressaram. Comprou umas alfaias modernas, e ainda o dia não estava bem acordado já ele ia no seu pequeno tractor para o campo, semear ou colher, conforme a época. Plantou uma vinha, e fazia o seu próprio vinho. Quando o visitava falava com entusiasmo da sua nova vida. Penso que nunca foi tão feliz. Qual teria sido a alternativa? Passar os dias nas vendas a jogar à sueca, ou a matar o frio do inverno, sentado ao soalheiro. Acho que ganhou anos de vida. E como ele muitos outros que partiram, despovoando as aldeias, mas que voltaram com as suas economias para ainda lhe dar alguma vida.

- Ao fim e ao cabo estou a dar-vos uma oportunidade para rejuvenescerem, e por uma causa justa. E também é verdade que o faço por amor. Ao contrário de vocês, que têm família, eu assumi-me como um solitário, e agora percebi porquê. Reencontrei a mulher que me marcou na juventude. Há quem lhe chame destino.
- Caramba Correia, - disse Batalha Romã, que não envelhecera no esquerdismo e já estava bem bebido – eu nunca fui piegas, mas que história tão bonita. Até estou um pouco comovido. Sempre fui pelo amor livre e por isso passaram por mim várias mulheres, ou passei eu por elas, mas compreendo
 Deu um murro na mesa que fez faltar as canecas de cerveja, e continuou:
- Por questões de justiça, e para defender os oprimidos contra os cabrões dos exploradores, conta comigo.

Continua

 8 
 em: Abril 08, 2021, 21:25:01  
Iniciado por Nação Valente - Última mensagem por Maria Gabriela de Sá
Continuando...

Abraço

 9 
 em: Abril 07, 2021, 20:39:30  
Iniciado por Alice Santos - Última mensagem por Dionísio Dinis
Para ler, reler e voltar de novo.

 10 
 em: Abril 05, 2021, 16:13:33  
Iniciado por CAMPISTA CABRAL - Última mensagem por Oswaldo Eurico Rodrigues
Estamos vivendo numa pátria onde grande parte da política oprime e esmaga o cidadão sem o menor dó. Somos uma república (des)governada por psicopatas.

Como você disse, Cabral: temos que resistir cada um a sua maneira.

Grande abraço!

Páginas: [1] 2 3 ... 10
Recentemente
[Abril 12, 2021, 19:06:32 ]

[Abril 12, 2021, 19:05:27 ]

[Abril 11, 2021, 20:55:34 ]

[Abril 11, 2021, 20:21:04 ]

[Abril 11, 2021, 19:19:12 ]

[Abril 07, 2021, 20:39:30 ]

[Abril 05, 2021, 16:13:33 ]

[Abril 05, 2021, 11:40:58 ]

[Abril 04, 2021, 17:37:02 ]

[Abril 04, 2021, 14:36:10 ]
Membros
Total de Membros: 792
Ultimo: Leonardrox
Estatísticas
Total de Mensagens: 129341
Total de Tópicos: 26487
Online hoje: 288
Máximo Online: 630
(Março 31, 2019, 09:49:42 )
Utilizadores Online
Users: 0
Convidados: 277
Total: 277
Últimas 30 mensagens:
Abril 12, 2021, 19:05:45
Boa noite a todos.
Abril 04, 2021, 17:43:19
Bom domingo para todos.
Março 29, 2021, 18:06:30
Boa semana para todos.
Março 27, 2021, 16:58:55
Boa tarde a todos.
Março 25, 2021, 20:24:17
Boia noite para todos.
Março 22, 2021, 20:50:10
Boa noite feliz para todos.
Março 17, 2021, 15:04:15
Boa tarde a todos.
Março 16, 2021, 12:35:25
Olá para todos!
Março 13, 2021, 17:52:36
Olá para todos!
Março 10, 2021, 20:33:13
Boa feliz noite para todos.
Março 05, 2021, 20:17:07
Bom fim de semana para todos
Março 04, 2021, 20:58:41
Boa quinta para todos.
Março 03, 2021, 19:28:19
Boa noite para todos.
Março 02, 2021, 20:10:50
Boa noite feliz para todos.
Fevereiro 28, 2021, 17:12:44
Bom domingo para todos.
Fevereiro 26, 2021, 21:31:48
Bom fim de semana para tod@s.
Fevereiro 25, 2021, 20:52:03
Boa noite a todos.
Fevereiro 24, 2021, 20:43:45
Boa noite a todos.
Fevereiro 22, 2021, 16:46:56
Uma boa semana para todos.
Fevereiro 22, 2021, 16:43:41
Sejam muito bem vind@s
Fevereiro 22, 2021, 16:41:57
Boa tarde a todos.
Fevereiro 18, 2021, 20:52:07
Boa noite a todos.
Fevereiro 17, 2021, 19:09:25
Boa quarta para todos.
Fevereiro 16, 2021, 19:10:20
Boa noite a todos os presentes.
Fevereiro 15, 2021, 14:54:45
Boa semana para todos.
Fevereiro 14, 2021, 15:29:30
Bom domingo para todos.
Fevereiro 13, 2021, 18:43:03
Boa noite  e boas escritas.
Fevereiro 13, 2021, 16:07:55
Bom sábado para todos.
Fevereiro 12, 2021, 15:10:54
Boa sexta para todos.
Fevereiro 11, 2021, 18:15:43
Boa noite a todos os presentes e aos outros também.
Powered by MySQL 5 Powered by PHP 5 CSS Valid
Powered by SMF 1.1.20 | SMF © 2006-2007, Simple Machines
TinyPortal v0.9.8 © Bloc
Página criada em 0.134 segundos com 24 procedimentos.