EscritArtes
Novembro 22, 2019, 02:13:28 *
Olá, Visitante. Por favor Entre ou Registe-se se ainda não for membro.

Entrar com nome de utilizador, password e duração da sessão
Notícias: Regulamento do site
http://www.escritartes.com/forum/index.php/topic,9145.0.html
 
  Início   Fórum   Ajuda Entrar Registe-se   *
Páginas: [1]   Ir para o fundo
  Imprimir  
Autor Tópico: Vindo do Algarve  (Lida 1001 vezes)
0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.
pedrojorge
Membro
***
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 149
Convidados: 0


http://pedromrj.blogspot.com/


WWW
« em: Setembro 20, 2007, 18:43:36 »

Não depreendo as minhas preferências,

N√£o depreendo as minhas prefer√™ncias, apesar de me fixar nelas, de as aceitar, de as viver, nem sequer percebo a de vestir batina, ou fato, ou cal√ß√Ķes, ou tshirt.
Recuo a quando tinha 10 anos, meros dez anos, menos sete que agora, retirados sete aos de agora, nessa duradoura temporada ia dentro de um ve√≠culo que circulava em pleno Alentejo, pensava que iria conseguir um futuro estrondoso, daqueles que timbram em todo o globo. Imaginava a coloniza√ß√£o de novos planetas, do ordenamento de territ√≥rio consoante o m√©todo mais vantajoso e at√© de forma livre. Pensava em transferir muitas pessoas e que era solu√ß√£o para quando os recursos terrestres findassem, tinha meios para desenlear os toxicodependentes do v√≠cio, atrav√©s de ‚Äúgases libertos na atmosfera que transformariam a mente de todas as pessoas, as libertassem desses v√≠cios‚ÄĚ, permutava o tabaco por um g√©nero de um canudo com um tubo de √°gua comparado √†s canetas recarreg√°veis, exalava vapor aromatizado. As cidades seriam ultra-avan√ßadas, claramente que era relativo ao desenvolvimento terr√°queo.
Atingi a plenitude imaginativa ao desenhar ve√≠culos voadores, impulsionados por uma ventoinha e ajudados por um g√°s que variava de densidade conforme a temperatura, a energia era fornecida por um is√≥topo desconhecido, tipo oscila√ß√Ķes radioactivas e era reaproveitada porque era um circuito totalmente isolado e assim n√£o haveria desperd√≠cios, claro que o cristal seria substitu√≠do porque depressa percebi o rigor tecnol√≥gico e a inviabilidade que esse sistema causaria, enquanto esses ve√≠culos de alta velocidade eram desencantados do inconsciente, estava eu no jipe, a regressar de 4 dias no Algarve, propriamente em Portim√£o, seria a √ļltima vez que regressaria √†quele local, se a minha hist√≥ria acabasse hoje, al√©m de se n√£o tivesse discriminado a minha idade daria a sensa√ß√£o de nunca mais l√° tornar (espero que os 17 passem e depois de passarem nunca mais me passe nada sem que fique nisso para sempre; ser√° mesmo esse o meu pensamento?).
Entrecruzava fantasias, durante o movimento que eu acompanhava, caso uma m√°quina de filmar se movesse paralelamente ao vidro e √† mesma velocidade apanharia um efeito do reflexo no vidro, fascinante, pausadamente, enquanto entre a aridez dos solos e as plan√≠cies inf√©rteis figurava o t√≠pico chaparro. J√° dissolvia a ideia de que criaria a minha organiza√ß√£o, frota de sat√©lites e conseguiria ter suficiente poder como qualquer grande pot√™ncia, ter acesso a todo o conte√ļdo da Internet, ter uma base subterr√Ęnea com super computadores que calculavam as permutas econ√≥micas, a varia√ß√£o dos mercados, arquivavam e seleccionavam os avan√ßos cient√≠ficos, de modo a produzir novas engenhocas, pela raz√£o de n√£o ter amigos considerava que substituir m√£o-de-obra humana por rob√≥tica era o mais adequado e funcional para o tipo de desenvolvimento que eu imaginava vir a ter, sozinho, sem uma √ļnica outra c√©lula al√©m das que no n√ļcleo cont√™m a minha cadeia gen√©tica, ou uma semelhante por causa de muta√ß√Ķes, o ADN.
Reportando-me ao presente, situo-me numa constante paran√≥ia, na vanguarda do palpitar de cora√ß√£o, n√£o por amor, n√£o por emo√ß√Ķes consequentes da biologia, nada, simplesmente √† espera do telefone que salve a minha vida, que estimule a minha mem√≥ria a rememorar o passado, tornando-me o ser que criei mentalmente, a pessoa que penso que sou mesmo nunca a sendo para os outros, isolado num universo que n√£o aparece...

http://bp3.blogger.com/_3zuOlPC8pOw/Rm8P09c_sZI/AAAAAAAAAG0/Lq3RCtfsSHg/s1600-h/Klimt_-_DeathandLife.gif
« Última modificação: Setembro 20, 2007, 18:46:29 por pedrojorge » Registado

Actually I don't remember being born, it must have happened during one of my black outs.
Goreti Dias
Contribuinte Activo
*****
Offline Offline

Sexo: Feminino
Mensagens: 18339
Convidados: 994



WWW
« Responder #1 em: Setembro 20, 2007, 19:58:58 »

A sua escrita é uma gala para nós que o lemos! Primorosa!
Registado

Goretidias

 Todos os textos registados no IGAC sob o n√ļmero: 358/2009 e 4659/2010
Páginas: [1]   Ir para o topo
  Imprimir  
 
Ir para:  

Parcerias
Buffering...Buffering...

O seu destaque aqui...
Recentemente
[Novembro 21, 2019, 15:19:54 ]

[Novembro 11, 2019, 11:36:25 ]

[Novembro 11, 2019, 11:34:42 ]

[Novembro 11, 2019, 11:34:19 ]

[Novembro 11, 2019, 11:33:39 ]

[Novembro 07, 2019, 20:15:24 ]

[Novembro 07, 2019, 20:13:24 ]

[Novembro 07, 2019, 16:47:55 ]

[Novembro 01, 2019, 19:06:32 ]

[Novembro 01, 2019, 14:05:06 ]
Membros
Total de Membros: 791
Ultimo: Bruna Brunelleshi
Estatísticas
Total de Mensagens: 127991
Total de Tópicos: 26248
Online hoje: 167
Máximo Online: 630
(Março 31, 2019, 09:49:42 )
Utilizadores Online
Users: 0
Convidados: 164
Total: 164
Últimas 30 mensagens:
Novembro 12, 2019, 18:18:18
um abraço para a administração, para quem dinamiza este espaço, seja como escritor, como leitor, como comentador.
Novembro 12, 2019, 18:15:54
margarida, plenamente de acordo.
Novembro 11, 2019, 11:31:31
Bom dia. Se todos fizerem igual, n√£o h√° coment√°rios.
Novembro 09, 2019, 14:53:10
Oi Dion√≠sio. Obrigado pelo teu coment√°rio. Desculpa eu ser relapso a fazer muitos coment√°rios. Evito-os, para n√£o  louvar uns ou criticar outros. Prefiro ficar na minha, ficar no que me parece. O meu principio geral: escrever, quem l√™ l√™, quem n√£o l√™ n√£o l√™. Ponto. Leio poesia d'outros, m
Novembro 01, 2019, 14:41:40
Boa tarde  todos. Os que est√£o e os que vir√£o.
Outubro 31, 2019, 14:58:38
Parabéns, Figas. Parabéns a todos os que lêem e que escrevem, parabéns a todos os que partilham escritas e comentários.
 
Outubro 10, 2019, 12:24:06
Bom dia. Hoje, andaei a pastar pelas 351 páginas da poesia e encontrei 32 poemas meus, milionários de leituras. com média de 1209 leituras cada. Obrigado a todos os meus contribuintes de lucros poéticos. FigasAbração, a todos. Nota: O Campeão é o Linguagem Decente, com 3692 leituras.Viva a D
Julho 29, 2019, 22:55:56
Olá para todos! Boas histórias e boas escritas!
Julho 02, 2019, 07:05:22
Bom dia!
Junho 28, 2019, 14:37:28
Boa tarde. Hoje, apeteceu-me saudar todos os que aqui tentam p√īr arte na pena. Figasabra√ßo
Maio 18, 2019, 19:22:13
Ol√°! Boa leitura e boa escrita para todos!
Maio 01, 2019, 17:26:47
Boa escrita e boa leitura para todos!
Março 30, 2019, 10:37:35
Boas leituras e boas escritas para todos!
Janeiro 27, 2019, 19:36:43
Boa noite feliz para todos.
Janeiro 11, 2019, 09:21:27
Ol√° para todos!
Dezembro 24, 2018, 21:55:27
Boas Festas.
Novembro 03, 2018, 14:19:38
Claro que sim, Mateus. Vamos lá puxar pelos neurónios?
Novembro 01, 2018, 18:36:27
Ol√° para todos!
Novembro 01, 2018, 15:51:21
A ideia com que fiquei em conversas, era a de que se pretendia fazer, uma sequela do "esfaqueador". Agora estou baralhado.
Outubro 31, 2018, 18:31:48
Temos um tópico em aberto "sem título". Podem entrar. A ideia é fazer algo ao jeito do Esfaqueador da Régua. Estão convidados!
Setembro 12, 2018, 14:34:00
Esfaqueador da Régua, aqui nascido, terá o seu lançamento na Feira do livro do Porto, dia 21 de Setembro.
Julho 04, 2018, 13:54:05
Bom dia.
Março 01, 2018, 20:26:58
Boa noite!
Dezembro 30, 2017, 21:19:00
Ol√°, amigos do Escritartes!
Dezembro 27, 2017, 09:04:13
Boas Festas!
Dezembro 21, 2017, 10:51:56
Ol√° para todos! Desde j√°, um feliz natal e um 2018 de novas escritas!
Novembro 11, 2017, 17:23:12
Boa tarde a todos! Votos de muita inspiração na nobre arte da escrita.
Outubro 25, 2017, 10:20:24
Meu bom dia a todos!
Julho 18, 2017, 20:17:24
Ol√° para todos! Boas escritas!
Logos
Buffering...

Firefox 2 xspf player AJAX powered Powered by MySQL 5 Powered by PHP 5 Powered by HoneyPot project Hacker Trap
CSS Valid CSS 2.0 Valid RSS 1.0 Valid RSS 2.0 Valid XHTML Valid
Powered by SMF 1.1.20 | SMF © 2006-2007, Simple Machines
TinyPortal v0.9.8 © Bloc
Página criada em 0.207 segundos com 29 procedimentos.