EscritArtes
Maio 21, 2022, 09:08:15 *
Olá, Visitante. Por favor Entre ou Registe-se se ainda não for membro.

Entrar com nome de utilizador, password e duração da sessão
Notícias: Regulamento do site
http://www.escritartes.com/forum/index.php/topic,9145.0.html
 
  Início   Fórum   Ajuda Entrar Registe-se   *
Páginas: [1] 2   Ir para o fundo
  Imprimir  
Autor Tópico: A Gatinha Milu  (Lida 9905 vezes)
0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.
Goreti Dias
Contribuinte Activo
*****
Offline Offline

Sexo: Feminino
Mensagens: 18545
Convidados: 997



WWW
« em: Setembro 15, 2009, 16:57:11 »

A gatinha Milu

Era uma vez uma gatinha chamada Milu...Ah! Como era linda e fofinha a gatinha Milu! A sua dona, a Sónia, era muito sua amiga.
   Milu dormia num lindo cestinho, com uma almofada no fundo, bem macia e confortável. Quem preparara esta caminha fora a avó da Sónia, numa noite, à lareira. E como ficara satisfeita, a sua neta! No dia seguinte, pegara no cestinho e pusera-o aos pés da sua cama. A partir desse dia nunca mais as duas se separaram. Nunca mais, é como quem diz!...
   Num dia frio e chuvoso de Novembro, a Sónia acordou mais tarde que o costume. Com aquele frio, a cama sabia tão bem! Quando se levantou, ai que susto! Foi à caminha da Milu para lhe fazer uma carícia e lhe escovar o pêlo como fazia todas as manhãs e ... Ah! Linda gatinha, onde te meteste? Milu, Milu ... Onde estás?
   Mas a gatinha, nada! Ninguém a tinha visto nesse dia. Sónia bem procurou debaixo da cama, nos cantos mais escuros da sala, da cozinha, da despensa, enfim, em todos os sítios onde pudesse caber uma gatinha. Não foi capaz de a encontrar. A partir desse dia, ficou sem vontade de brincar. Na escola, não prestava atenção ao que a professora dizia. Foi preciso, um dia, a professora chamá-la de parte, para uma conversa muito séria:
-   Então, Sónia, estás doente, dói-te alguma coisa?
-   Não, senhora professora, não me dói nada.
-   Estás triste. Aconteceu alguma coisa pela certa. Não estiveste atenta na aula. Queres falar sobre isso?
E, então, a menina contou como tinha dado falta da sua amiga e chorou, chorou, enquanto a professora lhe passava a mão pelos cabelos e a sossegava. No fim, sentiu-se melhor.
   Depois, a professora falou com os outros alunos e explicou-lhes o que se passava com a Sónia. Explicou-lhes, também, que era altura de todos a ajudarem. Teriam que ser muito amigos dela, fazerem-lhe companhia, agora mais que nunca.
    Todos colaboraram. Até o Nuno que costumava embirrar com ela e chamar-lhe mimalha, se ofereceu para ir, todas as tardes, no fim das aulas, estudar as suas lições, em sua casa.
   Não fora a ajuda dele e o rendimento escolar da Sónia teria sido muito fraco nesse período.
Entretanto...
A gatinha Milu, saída de casa há oito dias, tinha encontrado um palheiro, no fim da aldeia, muito sossegado, muito quentinho mas... não tão confortável como o seu cestinho.
Não fora fácil tomar esta decisão. Tinha muitas saudades da sua dona, mas temera que naquela casa não a aceitassem, depois de nascerem os seus filhos. O momento estava próximo. Tinha resolvido, por isso, procurar outro lugar para essa altura. E o melhor que tinha encontrado fora este, mesmo por cima do estábulo onde se encontrava uma vaca e um vitelinho, seu filho. Por isso, aquele lugar era tão quentinho. Os animais com o seu bafo aqueciam o ar. Afinal, era um bom lugar para os seus filhos. Frio não teriam. E comida? Bem, comida é que ia ser pior mas, pensando melhor, ela lá se arranjaria. Ratos não faltavam. Não estava, porém, habituada a isso.
Em sua casa ( a outra, a de Sónia ) davam-lhe leite pela manhã. Ratos nunca tido necessidade de apanhar. Mas, que importava? O importante era não ser separada dos seus filhos.
Chegou o dia tão esperado. Nasceram dois lindos gatinhos, castanhos como a mãe. Como ela estava feliz!
Os dias foram passando, sempre iguais. De manhã, lambia os seus filhotes, para que o pêlo ficasse limpo e luzidio. Depois, bem, depois é que era pior. Deixava-os dormir e lá ia procurar, nos cantos do palheiro, ratos para comer.
Os seus gatinhos ainda só mamavam mas, daí a pouco, teria que caçar mais, para que chegasse para eles também. Eles teriam que aprender primeiro a comer e só depois aprenderiam a caçar, para eles mesmos. Os ratos começaram a escassear dentro do estábulo. Teve, então, que se aventurar lá por fora, pelo campo. Caçava pardais. Isso, porém, era mais complicado. Eles eram rápidos. Quando se apercebiam da sua presença voavam e...lá se ia a caçada!
Um dia...
- Já estou a  ficar farta disto! E tenho tantas saudades da minha Sónia! Como estará ela? Terá saudades minhas? Já terá arranjado outra para o meu lugar? Estamos perto do Natal e eu não vou lambuzar-me com as gulodices que ela me costumava dar. Ai aquelas rabanadas! Ai que a minha barriga até se zanga! Só ratos e pardais, e eu a pensar em tanta coisa boa!
Um pintainho que por ali andava, um pouco longe das vistas da mãe, aproximou-se e perguntou, num fiozinho de voz:
- Ó gatinha, porque são tantos ais? Partiste uma pata ou uma asa?
- Nem uma coisa nem outra, pintainho. Nós os gatos, temos umas patas resistentes, não são como as vossas. E asas não temos, não reparaste? És muito novinho e não sabes nada da vida. A tua mãe também não te ensinou que deves fugir dos gatos que te podem comer?
- Ai, gatinha, não me comas, não, que eu sou teu amigo.
A gatinha riu-se da atrapalhação do pintainho e respondeu-lhe:
- Não te atrapalhes que eu não te faço mal, também sou tua amiga.
- Então conta lá. O que te aconteceu? Se não partiste nada, porque estás assim tão triste?
A gatinha descreveu-lhe toda a sua preocupação e a tristeza que sentia. O pintainho coçou a penugem da cabeça com a sua pequenina asa e disse-lhe:
- Olha lá! E se levasses os teus gatinhos contigo e voltasses à tua casa? Se calhar, a Sónia até ficava satisfeita! Estás tu para aí com essas coisas, e podes não ter razão. Vai lá, ganha coragem! Bem, eu sou ainda muito novo e entendo pouco destes assuntos. Vai pedir conselho aqui à nossa vizinha pata. A minha mãe diz que ela é muito sábia e amiga de ajudar os outros. Vai lá!
A gatinha assim fez. Contou tudo à pata e, no fim, ela deu-lhe o mesmo conselho que o pintainho.
Ainda se passaram alguns dias sem que ela ganhasse coragem para regressar.
Até que...
- Hum! Que rico cheirinho paira no ar! Cheira a sopas-secas! Ah! E a aletria! Querem ver?! Hoje é véspera de Natal! É dia de consoada! Mas que saudades da minha casa!... E se eu fosse até lá dar uma espreitadela? É isso! Vai ser hoje mesmo!
Se bem o pensou, melhor o fez! Correu até ao estábulo. Os seus filhotes já brincavam com as pontinhas dos molhos de palha e já sabiam trepar a escada que dava acesso à parte de cima do estábulo. Explicou-lhes o que pretendia fazer nesse dia e lá foram, caminho fora.
Ao fim de algumas horas estavam no jardim. Ainda havia sol no horizonte e, por isso, deitaram-se num cantinho onde alguns raios, como que envergonhados, iluminavam um tufo de relva fofinha.
- Ah! Que bom! - disseram os gatinhos. E, enroscadinhos, fecharam os olhos num rom-rom tranquilo.
- Mas que barulho é este?! - perguntou a gatinha Milu, assustada.
Tinham chegado os primos e os tios da Sónia para passarem a noite de consoada juntos. Os primos faziam uma enorme algazarra, de tão alegres. Já estavam à porta da entrada...
Foi, então, que...
- Mas...Mas, o que é isto?! É ela! A minha linda Milu! Vem cá. Por onde tens andado? Ai que bom ter-te de volta!
Sónia não cabia em si de contente. Tanto que nem reparou nos gatinhos! Milu soltou-se dos seus braços e pulou para junto da sua ninhada. Só então Sónia os viu e entendeu o que não pudera antes compreender.
Foi um dia feliz, aquele. Sónia pegou nos dois gatinhos e, seguida pela Milu, entrou em casa. Preparou um cesto maior onde, todas as noites, passariam a dormir os três bichanos. E sabem o que fez a avô? Outra almofada? Sim, também isso, mas não foi só isso. Foi ao seu cesto de tricot e arranjou uma mão-cheia de novelos. Querem lá saber o que aquilo foi! Cambalhotas, corridas, dava gosto ver! Os gatinhos teriam, agora, novelos e fios de lã para brincar em vez de palha, como naquele dia de manhã.
E foram felizes!
 

Registado

Goretidias

 Todos os textos registados no IGAC sob o número: 358/2009 e 4659/2010
josé antonio
Contribuinte Activo
*****
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 5837
Convidados: 0


escrever é um acto de partilha


« Responder #1 em: Setembro 15, 2009, 17:16:34 »

Goreti,

Afinal não é só poesia... Kiss
Eu já suspeitava, mas fui admitindo a mentira, sereno e benevolente.
Óptimo conto infantil, num ÓPTIMO dia para se iniciar este quadro no EA.
Donde, parabéns reforçados hoje neste espaço.
E venham mais... :fixe:
Abraço

Registado
Goreti Dias
Contribuinte Activo
*****
Offline Offline

Sexo: Feminino
Mensagens: 18545
Convidados: 997



WWW
« Responder #2 em: Setembro 15, 2009, 17:55:46 »

Obrigada! Venham mais!
Registado
Nanda
Contribuinte Activo
*****
Offline Offline

Sexo: Feminino
Mensagens: 913
Convidados: 0



« Responder #3 em: Setembro 16, 2009, 12:10:52 »

Goretidias,
Um conto cheio de ternurinha. Uma doçura.
Beijinho
Nanda
Registado
Goreti Dias
Contribuinte Activo
*****
Offline Offline

Sexo: Feminino
Mensagens: 18545
Convidados: 997



WWW
« Responder #4 em: Setembro 16, 2009, 12:25:19 »

Obrigada, Nanda.
Beijo
Registado
Alfredo D
Contribuinte Activo
*****
Offline Offline

Mensagens: 585
Convidados: 0



« Responder #5 em: Setembro 18, 2009, 20:14:47 »

Asim também vale gostar de "estórias" de crianças.Assim bem escritas, até este retinto adulto as aprecia muito.Parabéns senhora Goreti por esta boa história.
Registado
Goreti Dias
Contribuinte Activo
*****
Offline Offline

Sexo: Feminino
Mensagens: 18545
Convidados: 997



WWW
« Responder #6 em: Setembro 19, 2009, 19:42:08 »

Obrigada, Alfredo!
Abraço
Registado
Oswaldo Eurico Rodrigues
Contribuinte Activo
*****
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 6148
Convidados: 0


Amo a Literatura e as artes.


« Responder #7 em: Novembro 14, 2009, 20:23:25 »

Goreti, que conto bonito...

Lembrei-me da falecida Leontina, minha gata malhada (laranja, preta e branca), irmã do Leôncio, meu gato branco. Ambos foram sussessores do Ulisses, meu primeiro felino. Gostei imenso. Deu até para matar saudade da primeira ninhada que a Leontina teve debaixo de uma tábua que estava apoiada junto ao muro de minha casa. Foram quatro filhotes lindos. Hoje não tenho mais nenhum bichano, mas, se Deus quiser, ano que vem voltarei a criar.

Aproveite para ler meus contos. Num deles falo sobre uma gata.

Grande abraço.
« Última modificação: Julho 25, 2010, 19:07:41 por Oswaldo Eurico Rodrigues » Registado

Oswaldo Eurico Rodrigues


Escrevo também nos sites Recanto das Letras (www.recantodasletras.com.br)
Goreti Dias
Contribuinte Activo
*****
Offline Offline

Sexo: Feminino
Mensagens: 18545
Convidados: 997



WWW
« Responder #8 em: Novembro 16, 2009, 00:25:47 »

Obrigada por ressuscitar o meu conto! Já li os seus.
Abraço
Registado
CAMPISTA CABRAL
Contribuinte Activo
*****
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 1695
Convidados: 0


Escritor, poeta, cineasta amador e roteirista.


« Responder #9 em: Dezembro 26, 2009, 19:42:40 »

Admiravelmente belo e terno!
Registado

CANAL NO YOUTUBE
https://www.youtube.com/channel/UCJ5TRvaPtHNN5sxar_GuuCg

TEXTOS DO AUTOR NOS SITES:

http://cronicascariocas.com/colunista/campista-cabral/

https://www.recantodasletras.com.br/autor_textos.php?id=62723

Proibida a reprodução total ou parcial dos textos sem a prévia autori
Goreti Dias
Contribuinte Activo
*****
Offline Offline

Sexo: Feminino
Mensagens: 18545
Convidados: 997



WWW
« Responder #10 em: Janeiro 17, 2010, 20:55:05 »

Obrigada, Campista Cabral.
Abraço
Registado
CAMPISTA CABRAL
Contribuinte Activo
*****
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 1695
Convidados: 0


Escritor, poeta, cineasta amador e roteirista.


« Responder #11 em: Janeiro 25, 2010, 09:43:25 »

Os textos voltados para o público infantil precisam ter esse ar, essa atmosfera!

Um imenso abraço e um beijo para ti!
Registado
margarida
Contribuinte Activo
*****
Offline Offline

Mensagens: 827
Convidados: 0



« Responder #12 em: Março 01, 2010, 19:29:32 »

Também concordo :fixe: :fixe:
Registado
LOBINHO
Novo por cá
*
Offline Offline

Mensagens: 32
Convidados: 0


« Responder #13 em: Julho 21, 2010, 08:51:59 »

há por aqui muitas histórias giras
posso perguntar uma coisa?
porque é que não fazem uma antologia de histórias para crianças?
eu participava!
Já estou farto que me convidem para livros de gente crescida.

LOBINHO
Registado
Alexa Wolf
Membro da Casa
****
Offline Offline

Sexo: Feminino
Mensagens: 361
Convidados: 0


Sou uma menina traquinas, que gosta de escrever!


« Responder #14 em: Julho 21, 2010, 09:48:54 »

Lobinho

Ainda agora aqui entraste já estás com os pirolitos avariados?
Então é assim?
Chegaste e já andas a pedir livros, não abuses!
Registado

A vida são dois dias e o carnaval são três.
Vamos Viver!
Páginas: [1] 2   Ir para o topo
  Imprimir  
 
Ir para:  

Recentemente
[Maio 16, 2022, 13:05:14 ]

[Abril 11, 2022, 13:15:52 ]

[Março 24, 2022, 11:32:07 ]

[Março 24, 2022, 11:30:53 ]

[Março 22, 2022, 15:03:13 ]

[Fevereiro 20, 2022, 16:23:53 ]

[Fevereiro 20, 2022, 16:16:54 ]

[Fevereiro 20, 2022, 08:03:26 ]

por Araci
[Janeiro 29, 2022, 07:56:02 ]

[Janeiro 18, 2022, 21:38:42 ]
Membros
Total de Membros: 792
Ultimo: Leonardrox
Estatísticas
Total de Mensagens: 129597
Total de Tópicos: 26544
Online hoje: 111
Máximo Online: 630
(Março 31, 2019, 09:49:42 )
Utilizadores Online
Users: 0
Convidados: 116
Total: 116
Últimas 30 mensagens:
Outubro 14, 2021, 00:43:39
Obrigado, Administração, por avisar!
Setembro 14, 2021, 10:50:24
Bom dia. O site vai migrar para outra plataforma no dia 23 deste mês de setembro. Aconselha-se as pessoas a fazerem cópias de algum material que não tenham guardado em meios pessoais. Não está previsto perder-se nada, mas poderá acontecer. Obrigada.

Maio 10, 2021, 20:44:46
Boa noite feliz para todos
Maio 07, 2021, 15:30:47
Olá! Boas leituras e boas escritas!
Abril 12, 2021, 19:05:45
Boa noite a todos.
Abril 04, 2021, 17:43:19
Bom domingo para todos.
Março 29, 2021, 18:06:30
Boa semana para todos.
Março 27, 2021, 16:58:55
Boa tarde a todos.
Março 25, 2021, 20:24:17
Boia noite para todos.
Março 22, 2021, 20:50:10
Boa noite feliz para todos.
Março 17, 2021, 15:04:15
Boa tarde a todos.
Março 16, 2021, 12:35:25
Olá para todos!
Março 13, 2021, 17:52:36
Olá para todos!
Março 10, 2021, 20:33:13
Boa feliz noite para todos.
Março 05, 2021, 20:17:07
Bom fim de semana para todos
Março 04, 2021, 20:58:41
Boa quinta para todos.
Março 03, 2021, 19:28:19
Boa noite para todos.
Março 02, 2021, 20:10:50
Boa noite feliz para todos.
Fevereiro 28, 2021, 17:12:44
Bom domingo para todos.
Fevereiro 26, 2021, 21:31:48
Bom fim de semana para tod@s.
Fevereiro 25, 2021, 20:52:03
Boa noite a todos.
Fevereiro 24, 2021, 20:43:45
Boa noite a todos.
Fevereiro 22, 2021, 16:46:56
Uma boa semana para todos.
Fevereiro 22, 2021, 16:43:41
Sejam muito bem vind@s
Fevereiro 22, 2021, 16:41:57
Boa tarde a todos.
Fevereiro 18, 2021, 20:52:07
Boa noite a todos.
Fevereiro 17, 2021, 19:09:25
Boa quarta para todos.
Fevereiro 16, 2021, 19:10:20
Boa noite a todos os presentes.
Fevereiro 15, 2021, 14:54:45
Boa semana para todos.
Fevereiro 14, 2021, 15:29:30
Bom domingo para todos.
Powered by MySQL 5 Powered by PHP 5 CSS Valid
Powered by SMF 1.1.20 | SMF © 2006-2007, Simple Machines
TinyPortal v0.9.8 © Bloc
Página criada em 0.145 segundos com 28 procedimentos.