EscritArtes
Janeiro 16, 2021, 05:31:02 *
Olá, Visitante. Por favor Entre ou Registe-se se ainda não for membro.

Entrar com nome de utilizador, password e duração da sessão
Notícias: Regulamento do site
http://www.escritartes.com/forum/index.php/topic,9145.0.html
 
  Início   Fórum   Ajuda Entrar Registe-se   *
Páginas: [1] 2  Todas   Ir para o fundo
  Imprimir  
Autor Tópico: O AMOR √Č ETERNO  (Lida 5562 vezes)
0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.
Maria Gabriela de S√°
Contribuinte Activo
*****
Offline Offline

Sexo: Feminino
Mensagens: 992
Convidados: 0



« em: Mar√ßo 24, 2014, 20:16:05 »

                                          O Amor √© Eterno

       H√° muito que as tr√™s amigas n√£o se viam. Nenhuma delas se lembrava do √ļltimo encontro, se tinham decorrido simplesmente meses ou mais de duas d√©cadas,  desde a derradeira tert√ļlia com o resto dos amigos, quando a turbul√™ncia da idade e os encontros e desencontros do amor, mesmo sem elas saberem, come√ßavam a fazer os primeiros estragos na vida de cada uma.
 
       A ela parecia-lhe, unicamente, que n√£o teriam passado mais do que uns breves meses ap√≥s a √ļltima festa, o √ļltimo exame da faculdade, o div√≥rcio de uma e o casamento da outra, mais os filhos que uma teve e outra n√£o, ambas por op√ß√£o ou talvez por acaso. Talvez tivesse sido mesmo antes, quando nada disso tinha ainda acontecido, muito menos os filhos  que condicionam sempre a vida e os encontros entre amigas.

       Hoje iriam jantar a tr√™s a casa da m√£e dela. Foi o que combinaram, quando, nesse mesmo dia, se encontraram por acaso logo pela manh√£.

       As amigas chegaram primeiro. Ela acabara por ir por um caminho diferente, onde perdeu as horas observando a paisagem das videiras tosquiadas para o renascimento da primavera. E quando ela pr√≥pria chegou, as amigas estavam na cozinha √† sua espera. N√£o vira a m√£e, a quem estupidamente se esquecera de avisar das visitas. E j√° era um bocado tarde quando entrou em casa.

       Num tacho, sobre o fog√£o a g√°s, havia roj√Ķes √† moda do Minho, suficientes para todas, e havia ainda um outro tacho de arroz branco. A mesa n√£o estava, sequer, posta.
 
      A m√£e estaria, com toda a raz√£o, aborrecida com ela. Sem sequer se preocupar com as amigas, a quem deu toda a liberdade para estarem √† vontade, resolvera ir para o quarto, mesmo ali ao lado da cozinha. E ela sentiu que estava mais do que na hora de lhe pedir desculpas.

       Bateu √† porta, entrando a seguir com a autoriza√ß√£o devida.

       O rosto da m√£e estava bastante transpirado, e, apesar do esquecimento sobre as visitas, ela parecia n√£o estar muito zangada.

       Reparou ent√£o como era bonita. Alta e morena, nos cabelos lisos mal se via uma branca.
 
       Nunca se tinham entendido bem as duas, mas ela nunca deixara de sentir a falta da m√£e, que um afastamento inexplic√°vel lhe tinha tirado anos antes, acentuando-se na adolesc√™ncia logo ap√≥s os seus primeiros actos de rebeldia. O pior era que nenhuma delas sabia de quem era a culpa.

       Mas, hoje, estava ali, com as duas amigas da faculdade na cozinha √† sua espera para jantarem, e a m√£e estava √† sua frente.

        Num impulso sem precedentes, abra√ßou a m√£e que lhe retribuiu com um abra√ßo igual, quente e imenso como nunca sentira antes. Afinal a m√£e n√£o era a mulher fria que sempre julgara,  e ela nem percebia porque tinha demorado tanto tempo a pedir-lhe aquele colo, onde agora se sentia outra vez pequenina. Tanto aconchego trazia uma aceita√ß√£o t√°cita e sem censura de todas as coisas menos boas que ela fizera ao longo da vida, no decurso das suas pr√≥digas rebeldias. Por seu lado, pela primeira vez,  ela sentia a m√£e inteira, aceitando-se mutuamente nas especificidades pr√≥prias de cada uma. E ali, naqueles instantes de verdadeiro afecto, todas as diferen√ßas se dilu√≠ram, e ela sentiu que, finalmente, tinha m√£e e que acabara de regressar a casa depois de uma longa aus√™ncia.

       Quando acordou recordou aquele abra√ßo como a melhor sensa√ß√£o da sua vida de filha. S√≥ que a m√£e tinha morrido h√° mais de 20 anos‚Ķ

       Depois, ao rememorar o passado, pensou que aquele sonho devia ter sido mesmo a maneira de uma m√£e morta reconfortar a filha viva e dizer-lhe, atrav√©s de um abra√ßo,  que os la√ßos do amor nunca se quebram, e que talvez a vida seja mesmo eterna‚Ķ
 


 
« Última modificação: Setembro 25, 2020, 20:50:44 por Maria Gabriela de S√° » Registado

Dizem de mim que talvez valha a pena conhecer-me.
Goreti Dias
Contribuinte Activo
*****
Offline Offline

Sexo: Feminino
Mensagens: 18546
Convidados: 994



WWW
« Responder #1 em: Mar√ßo 24, 2014, 20:25:59 »

Há sonhos bem melhores que a realidade. Talvez seja porque o desejamos tanto, ou seja porque a vida é eterna... quem sabe...
Registado

Goretidias

 Todos os textos registados no IGAC sob o n√ļmero: 358/2009 e 4659/2010
Maria Gabriela de S√°
Contribuinte Activo
*****
Offline Offline

Sexo: Feminino
Mensagens: 992
Convidados: 0



« Responder #2 em: Mar√ßo 24, 2014, 21:22:22 »

Quem sabe, Goretidas, quem sabe...

Obrigada por ler.
Registado
Goreti Dias
Contribuinte Activo
*****
Offline Offline

Sexo: Feminino
Mensagens: 18546
Convidados: 994



WWW
« Responder #3 em: Mar√ßo 30, 2014, 12:33:56 »

Eu é que agradeço a partilha.
Registado
helenacosta
Contribuinte Activo
*****
Offline Offline

Sexo: Feminino
Mensagens: 2257
Convidados: 0



« Responder #4 em: Mar√ßo 30, 2014, 14:54:56 »

  Um sonho maravilhoso!
Registado
Maria Gabriela de S√°
Contribuinte Activo
*****
Offline Offline

Sexo: Feminino
Mensagens: 992
Convidados: 0



« Responder #5 em: Mar√ßo 30, 2014, 15:40:11 »

Foi mesmo, uma sensação indescritível
Registado
Dionísio Dinis
Moderador Global
Contribuinte Activo
*****
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 9538
Convidados: 0



WWW
« Responder #6 em: Mar√ßo 30, 2014, 20:38:07 »

Um sonho e primor de escrita.Os meus sinceros aplausos.
Registado

Pensar amar-te, é ter o acto na palavra e o coração no corpo inteiro.
http://www.escritartes.com/forum/index.php
Maria Gabriela de S√°
Contribuinte Activo
*****
Offline Offline

Sexo: Feminino
Mensagens: 992
Convidados: 0



« Responder #7 em: Mar√ßo 30, 2014, 21:56:33 »

Obrigada, DD, deve ser do treino. Ultimamente n√£o paro de escrever....
Registado
Maria del Mar
Membro da Casa
****
Offline Offline

Mensagens: 378
Convidados: 0


« Responder #8 em: Maio 09, 2014, 16:13:35 »

Eterno até acabar?! Não sei,mas sei que gostei muito do texto.
Registado
Maria Gabriela de S√°
Contribuinte Activo
*****
Offline Offline

Sexo: Feminino
Mensagens: 992
Convidados: 0



« Responder #9 em: Maio 09, 2014, 18:03:10 »

Pois, ninguém sabe mesmo, mas é bom saber que há quem goste do que escrevo. Abraço e obrigada.
Registado
Maria del Mar
Membro da Casa
****
Offline Offline

Mensagens: 378
Convidados: 0


« Responder #10 em: Maio 09, 2014, 18:37:12 »

Tive muito gosto Kiss
Registado
Maria Gabriela de S√°
Contribuinte Activo
*****
Offline Offline

Sexo: Feminino
Mensagens: 992
Convidados: 0



« Responder #11 em: Setembro 25, 2020, 20:52:26 »

J√° nem me lembrava de ter escrito isto... E obrigada, Maria del Mar
Registado
Goreti Dias
Contribuinte Activo
*****
Offline Offline

Sexo: Feminino
Mensagens: 18546
Convidados: 994



WWW
« Responder #12 em: Setembro 26, 2020, 16:40:03 »

Ainda bem que retomou o seu lugar. Gostei de voltar a ler.
Registado
Nação Valente
Contribuinte Activo
*****
Offline Offline

Mensagens: 1115
Convidados: 0


outono


« Responder #13 em: Setembro 30, 2020, 15:32:14 »

N√£o tinha lido. Muito bom.
Registado
Maria Gabriela de S√°
Contribuinte Activo
*****
Offline Offline

Sexo: Feminino
Mensagens: 992
Convidados: 0



« Responder #14 em: Novembro 22, 2020, 21:20:43 »

Obrigada.
Registado
Páginas: [1] 2  Todas   Ir para o topo
  Imprimir  
 
Ir para:  

Recentemente
[Janeiro 15, 2021, 11:27:39 ]

[Janeiro 13, 2021, 21:27:13 ]

[Janeiro 13, 2021, 21:11:12 ]

[Janeiro 11, 2021, 21:00:11 ]

[Janeiro 11, 2021, 20:54:24 ]

[Janeiro 10, 2021, 21:25:25 ]

[Janeiro 09, 2021, 18:27:35 ]

[Janeiro 02, 2021, 15:37:55 ]

[Dezembro 24, 2020, 20:01:18 ]

[Dezembro 24, 2020, 19:52:44 ]
Membros
Total de Membros: 791
Ultimo: Bruna Brunelleshi
Estatísticas
Total de Mensagens: 128852
Total de Tópicos: 26454
Online hoje: 277
Máximo Online: 630
(Março 31, 2019, 09:49:42 )
Utilizadores Online
Users: 0
Convidados: 308
Total: 308
Últimas 30 mensagens:
Abril 04, 2020, 09:57:10
Bom dia para todos!
Março 20, 2020, 15:06:31
Ol√° para todos!
Março 19, 2020, 22:59:05
Olá para todos! Espero que estejam bem, na medida do possível!
Fevereiro 18, 2020, 18:50:53
Ol√° Margarida. Seja bem aparecida.
Fevereiro 18, 2020, 18:41:32
Boas!
Fevereiro 10, 2020, 19:37:51
Boa noite!
Janeiro 29, 2020, 20:06:36
Oi pessoal. FigasAbraço
Janeiro 27, 2020, 20:16:38
Boa noite a todos
Janeiro 15, 2020, 17:52:14
Boa tarde a todos
Janeiro 10, 2020, 14:03:15
Boa tarde a todos
Janeiro 06, 2020, 14:46:26
Boa tarde a todos
Janeiro 01, 2020, 20:02:37
Bom ano feliz para todos.
Janeiro 01, 2020, 10:32:02
Bom Ano!
Dezembro 18, 2019, 16:48:08
Boa tarde!
Dezembro 06, 2019, 20:13:01
Boa noite feliz para todos
Dezembro 02, 2019, 21:57:04
Boa noite feliz para todos.
Dezembro 01, 2019, 19:51:29
Boa noite feliz para todos
Dezembro 01, 2019, 18:52:15
Boa noite!
Novembro 29, 2019, 20:32:37
Boa noite feliz para todos.
Novembro 29, 2019, 17:37:17
Boa tarde!
Novembro 29, 2019, 17:35:53
Boa tarde a todos!
Novembro 12, 2019, 18:18:18
um abraço para a administração, para quem dinamiza este espaço, seja como escritor, como leitor, como comentador.
Novembro 12, 2019, 18:15:54
margarida, plenamente de acordo.
Novembro 11, 2019, 11:31:31
Bom dia. Se todos fizerem igual, n√£o h√° coment√°rios.
Novembro 09, 2019, 14:53:10
Oi Dion√≠sio. Obrigado pelo teu coment√°rio. Desculpa eu ser relapso a fazer muitos coment√°rios. Evito-os, para n√£o  louvar uns ou criticar outros. Prefiro ficar na minha, ficar no que me parece. O meu principio geral: escrever, quem l√™ l√™, quem n√£o l√™ n√£o l√™. Ponto. Leio poesia d'outros, m
Novembro 01, 2019, 14:41:40
Boa tarde  todos. Os que est√£o e os que vir√£o.
Outubro 31, 2019, 14:58:38
Parabéns, Figas. Parabéns a todos os que lêem e que escrevem, parabéns a todos os que partilham escritas e comentários.
 
Outubro 10, 2019, 12:24:06
Bom dia. Hoje, andaei a pastar pelas 351 páginas da poesia e encontrei 32 poemas meus, milionários de leituras. com média de 1209 leituras cada. Obrigado a todos os meus contribuintes de lucros poéticos. FigasAbração, a todos. Nota: O Campeão é o Linguagem Decente, com 3692 leituras.Viva a D
Julho 29, 2019, 22:55:56
Olá para todos! Boas histórias e boas escritas!
Julho 02, 2019, 07:05:22
Bom dia!
Powered by MySQL 5 Powered by PHP 5 CSS Valid
Powered by SMF 1.1.20 | SMF © 2006-2007, Simple Machines
TinyPortal v0.9.8 © Bloc
Página criada em 0.174 segundos com 28 procedimentos.