EscritArtes
Novembro 11, 2019, 23:20:06 *
Olá, Visitante. Por favor Entre ou Registe-se se ainda não for membro.

Entrar com nome de utilizador, password e duração da sessão
Notícias: 8.ª Colectânea - 8.º Aniversário Escritartes
http://www.escritartes.com/forum/index.php/topic,36064.0.html
 
  Início   Fórum   Ajuda Entrar Registe-se   *
Páginas: [1]   Ir para o fundo
  Imprimir  
Autor Tópico: Já não te quero  (Lida 2113 vezes)
0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.
Nação Valente
Contribuinte Activo
*****
Online Online

Mensagens: 1001
Convidados: 0


outono


« em: Outubro 30, 2016, 22:31:02 »

O meu nome é Camila, mas os meus amigos do face conhecem-me por Cam. Nasci no bairro do Aleixo há quinze anos. Acabei de entrar para um curso especial de alunos com dificuldades. O que eu queria mesmo era deixar a escola. Mas do mal o menos. Neste curso, com currículos alternativos, é tudo mais manual e eu tenho boas mãozinhas e outras coisas que agora não vêm ao caso. Já não tenho de aprender aquelas merdas que me ensinavam na Básica. Quero lá saber quem foi o gajo que inventou este país. Quero lá saber se se chamava Afonso e era de Guimarães. Dessa história, o que registei ,foi a explicação que me deu a Sal isto é a Salomé que deixou a escola (finória )e foi trabalhar como acompanhante  para um bar alternativo. Dizia ela: “o Afonsinho de Guimarães fodeu a mãe em S. Mamede  e depois meteu-a na prisa. Por isso não admira que este seja um país fodido”. Outra coisa que me irritava era darem alcunhas às palavras. Para mim batatas  são batatas. Ponto. Tem lá algum jeito dizer hoje vou comer um substantivo(batata) com outro substantivo(bacalhau). Bem fez a Sal que se livrou dessas tretas e ganha a vida a dar tanga a cotas com muita grana.
Aqui nos alternativos sinto-me em casa. É malta como eu que não teve cachimónia para letras e números e portanto  estou entre os meus pares. Gente com os pés no chão. E se a isso acrescentar um borracho chamado Arménio, que vive na Areosa, e que acho que me vai dar bola, que quero mais?. Bom quero que seja meu namorado, mas a tarefa não está fácil, pois andam outras garinas a pisar-lhe os calcanhares. Tenho de confiar em mim. O gajo pode ser um pão, mas também não sou nada de deitar fora:  possuo um bom palminho de cara, e um corpinho capaz de fazer parar o trânsito. “aí Arménio, sempre que me olhas não há um único pelo que não se me ponha um pé. E se eu sou peluda”.
Na aula de oficinais já estou marcada como calona. Não é verdade. A culpa é do Arménio da Areosa que me paralisa a vontade. A velha, quer dizer a setôra já topou tudo, sim,  que eu não consigo disfarçar. Estou mesmo apaixonada. Há dias até aprendi na aula de Expressões um poema de uma tal Florbela Espanta ou Espanca, tanto faz, que me serve que nem uma luva. Com ele me deito, com ele me levanto, com ele me perfumo, com ele reparto noites de insónia.
Eu quero amar, amar perdidamente!
Amar só por amar: Aqui... além...
Eu quero amar, só por amar o Arménio da Areosa. E tudo vou fazer para lho mostrar.
Hoje, na aula de desporto, arrimei-me ao tipo “ai que sensações, que cheiro a macho…vê-se mesmo que vem de uma família de trolhas.” Perdi a vergonha e disse-lhe na fúça “- tenho-te visto a fazer-me olhinhos, olhe lá queres ser meu namorado? Eu curto-te à brava!
-Ok, disse, mas tens de me dar uma prova da tua paixão.
Agarrei-o logo ali numa curva da pista, e afinfei-lhe um chocho nos beiços que até o deixou zonzo.
-Muito nice garina, mas não chega…
Ai (o que tu queres sei eu, disse para os meus botões) que este quer já ir para os finalmentes. Acalma a passarinha Cam. Ainda sou muito nova para ter um duplo na barriga. Além disso, a minha mãe que tem quatro filhos, cada um de seu pai, já me avisou:
Cam livra-te de me apareceres prenha em casa. Dou-te um enxerto de porrada de criar bicho e ponho-te no olho da rua .E não te esqueças que se pode apanhar um homem pela boca (ela agora anda num curso de culinária do Fundo de Desemprego) mas primeiro adoça-lhe o paladar, e só depois de estar bem dependente, de te vir comer à mão, é que lhe abres a boca do corpo.
Procurei ser firme com o Arménio “ouve lá fofinho, o que tu queres sei eu, mas vamos com calma. Temos de nos conhecer melhor. Posso parecer careta, pois não sou como essas delambidas que não conhecem dono”
-Porra Cam, não é nada do que estás a pensar, eu só quero que me lambas a pilinha. Aí acredito que o teu amor é verdadeiro.
Bom, desde que não implique meter fedelho no meu útero, estou disposta a todas as provas. O que eu não faço para conquistar o Arménio? Não me posso esquecer que a  competição é forte. Vou aceitar o desafio “ tá bem Arm. E onde é que fazemos isso”.
-Depois desta aula, no intervalo, vamos para trás do refeitório, conheço lá um recanto sossegado, atrás dos arbustos.
Digamos que a coisa correu bem e satisfiz o Arménio. Decerto começo a tê-lo preso pela trela. Estávamos tão entretidos que nem demos pelo fim do intervalo. Afogueados corremos para a aula do careca, digo setôr de Desenho. Antes de entrar, enquanto nos compúnhamos ainda perguntei ao Arménio “fofinho agora já somos namorados, não somos?”
-Não.
-Mas…
-Já não te quero para namorada, porque tu és uma puta.
-Caiu-me o coração aos pés. Borrei a pintura. Procurei recompor-me e encontrar alguém para desabafar. Com a mãe estava fora de questão. Arriscava-me a levar uma estalada nas trombas. Então lembrei-me da Pulquéria, a cigana que marcava o ponto para garantir o subsidio, andava por ali sempre disponível, e até já tinha casamento marcado. Contei-lhe o que me aconteceu. Olhou-me bem nos olhos, sorriu e disse o que eu precisava de ouvir:
- O meu pai sempre me disse que não gosta de ver bons princípios aos filhos. Não interessa como as coisas começam, mas como acabam. Esquece o trolha da Areosa, não te merece, quem sabe se um dia a vida não lhe prega uma partida e lhe oferece uma verdadeira puta.
« Última modificação: Outubro 31, 2016, 14:37:07 por Nação Valente » Registado
Oswaldo Eurico Rodrigues
Contribuinte Activo
*****
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 6038
Convidados: 0


Amo a Literatura e as artes.


« Responder #1 em: Outubro 31, 2016, 17:35:48 »

Os arroubos emocionais da juventude...

Gostei da narrativa

Abraço...
Registado

Oswaldo Eurico Rodrigues


Escrevo também nos sites Recanto das Letras (www.recantodasletras.com.br)
Nação Valente
Contribuinte Activo
*****
Online Online

Mensagens: 1001
Convidados: 0


outono


« Responder #2 em: Novembro 04, 2016, 14:51:56 »

Pois é, juventude uma escola de aprendizagem, amigo Oswaldo.

Grande abraço
Registado
Maria Gabriela de Sá
Contribuinte Activo
*****
Offline Offline

Sexo: Feminino
Mensagens: 827
Convidados: 0



« Responder #3 em: Novembro 04, 2016, 15:40:35 »

Ora foi preciso mudar a hora para voltarmos às boas práticas de escrita? Gostei, Eu hoje é que estou numa de não me apetecer fazer nada, uma  escarafunchosa da psique,

Beijinho,
Registado

Dizem de mim que talvez valha a pena conhecer-me.
Oswaldo Eurico Rodrigues
Contribuinte Activo
*****
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 6038
Convidados: 0


Amo a Literatura e as artes.


« Responder #4 em: Novembro 04, 2016, 17:49:21 »

Estou meio preguiçoso hoje também
Registado
Nação Valente
Contribuinte Activo
*****
Online Online

Mensagens: 1001
Convidados: 0


outono


« Responder #5 em: Novembro 11, 2016, 14:36:40 »

Gabriela,
Faz tempo que pensava escrever esta "estória" com fundo real,que me foi contada em quatro frases, mas a envolvência esteve dependente da preguiça das musas que só saíram do seu torpor com a mudança da hora. Dependências psíquicas!
 BJS
Registado
Goreti Dias
Contribuinte Activo
*****
Offline Offline

Sexo: Feminino
Mensagens: 18339
Convidados: 994



WWW
« Responder #6 em: Novembro 14, 2016, 19:33:14 »

Dá que pensar. A cigana é sábia. Como quase todas, aliás rsrrss
Registado

Goretidias

 Todos os textos registados no IGAC sob o número: 358/2009 e 4659/2010
Páginas: [1]   Ir para o topo
  Imprimir  
 
Ir para:  

Parcerias
Buffering...Buffering...

O seu destaque aqui...
Recentemente
[Hoje às 11:36:25]

[Hoje às 11:34:42]

[Hoje às 11:34:19]

[Hoje às 11:33:39]

[Novembro 07, 2019, 20:15:24 ]

[Novembro 07, 2019, 20:13:24 ]

[Novembro 07, 2019, 16:47:55 ]

[Novembro 01, 2019, 19:06:32 ]

[Novembro 01, 2019, 14:05:06 ]

[Outubro 31, 2019, 22:15:42 ]
Membros
Total de Membros: 791
Ultimo: Bruna Brunelleshi
Estatísticas
Total de Mensagens: 127990
Total de Tópicos: 26247
Online hoje: 188
Máximo Online: 630
(Março 31, 2019, 09:49:42 )
Utilizadores Online
Users: 1
Convidados: 40
Total: 41
Últimas 30 mensagens:
Hoje às 11:31:31
Bom dia. Se todos fizerem igual, não há comentários.
Novembro 09, 2019, 14:53:10
Oi Dionísio. Obrigado pelo teu comentário. Desculpa eu ser relapso a fazer muitos comentários. Evito-os, para não  louvar uns ou criticar outros. Prefiro ficar na minha, ficar no que me parece. O meu principio geral: escrever, quem lê lê, quem não lê não lê. Ponto. Leio poesia d'outros, m
Novembro 01, 2019, 14:41:40
Boa tarde  todos. Os que estão e os que virão.
Outubro 31, 2019, 14:58:38
Parabéns, Figas. Parabéns a todos os que lêem e que escrevem, parabéns a todos os que partilham escritas e comentários.
 
Outubro 10, 2019, 12:24:06
Bom dia. Hoje, andaei a pastar pelas 351 páginas da poesia e encontrei 32 poemas meus, milionários de leituras. com média de 1209 leituras cada. Obrigado a todos os meus contribuintes de lucros poéticos. FigasAbração, a todos. Nota: O Campeão é o Linguagem Decente, com 3692 leituras.Viva a D
Julho 29, 2019, 22:55:56
Olá para todos! Boas histórias e boas escritas!
Julho 02, 2019, 07:05:22
Bom dia!
Junho 28, 2019, 14:37:28
Boa tarde. Hoje, apeteceu-me saudar todos os que aqui tentam pôr arte na pena. Figasabraço
Maio 18, 2019, 19:22:13
Olá! Boa leitura e boa escrita para todos!
Maio 01, 2019, 17:26:47
Boa escrita e boa leitura para todos!
Março 30, 2019, 10:37:35
Boas leituras e boas escritas para todos!
Janeiro 27, 2019, 19:36:43
Boa noite feliz para todos.
Janeiro 11, 2019, 09:21:27
Olá para todos!
Dezembro 24, 2018, 21:55:27
Boas Festas.
Novembro 03, 2018, 14:19:38
Claro que sim, Mateus. Vamos lá puxar pelos neurónios?
Novembro 01, 2018, 18:36:27
Olá para todos!
Novembro 01, 2018, 15:51:21
A ideia com que fiquei em conversas, era a de que se pretendia fazer, uma sequela do "esfaqueador". Agora estou baralhado.
Outubro 31, 2018, 18:31:48
Temos um tópico em aberto "sem título". Podem entrar. A ideia é fazer algo ao jeito do Esfaqueador da Régua. Estão convidados!
Setembro 12, 2018, 14:34:00
Esfaqueador da Régua, aqui nascido, terá o seu lançamento na Feira do livro do Porto, dia 21 de Setembro.
Julho 04, 2018, 13:54:05
Bom dia.
Março 01, 2018, 20:26:58
Boa noite!
Dezembro 30, 2017, 21:19:00
Olá, amigos do Escritartes!
Dezembro 27, 2017, 09:04:13
Boas Festas!
Dezembro 21, 2017, 10:51:56
Olá para todos! Desde já, um feliz natal e um 2018 de novas escritas!
Novembro 11, 2017, 17:23:12
Boa tarde a todos! Votos de muita inspiração na nobre arte da escrita.
Outubro 25, 2017, 10:20:24
Meu bom dia a todos!
Julho 18, 2017, 20:17:24
Olá para todos! Boas escritas!
Abril 11, 2017, 14:47:44
Boa tarde a todos
Abril 01, 2017, 20:52:08
Boa noite e um bom fim de semana para todos vocês.
Logos
Buffering...

Firefox 2 xspf player AJAX powered Powered by MySQL 5 Powered by PHP 5 Powered by HoneyPot project Hacker Trap
CSS Valid CSS 2.0 Valid RSS 1.0 Valid RSS 2.0 Valid XHTML Valid
Powered by SMF 1.1.20 | SMF © 2006-2007, Simple Machines
TinyPortal v0.9.8 © Bloc
Página criada em 0.134 segundos com 29 procedimentos.