EscritArtes
Março 27, 2017, 00:40:55 *
Olá, Visitante. Por favor Entre ou Registe-se se ainda não for membro.

Entrar com nome de utilizador, password e duração da sessão
Notícias: Regulamento do site
http://www.escritartes.com/forum/index.php/topic,9145.0.html
 
  Início   Fórum   Ajuda Entrar Registe-se   *
Páginas: [1]   Ir para o fundo
  Imprimir  
Autor Tópico: O primeiro pecado  (Lida 391 vezes)
0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.
Nação Valente
Contribuinte Activo
*****
Offline Offline

Mensagens: 907
Convidados: 0


outono


« em: Dezembro 27, 2016, 19:41:46 »

Hoje faço oito anos. Amanhã vou fazer a primeira comunhão. O senhor padre Pinto perdoou-me todos os pecados, e por isso, depois da confissão, senti-me livre como um passarinho. Pelo menos livrei-me de um pecado que me assusta há mais de dois anos.
Eu tinha seis anos quando cometi o primeiro pecado que considero muito mau. Confessei ao senhor padre que na altura não sabia sequer que era pecado. Só quando comecei a andar na catequese é que aprendi o que o Pai do Céu quer que façamos para não sermos castigados. O que sabia era que devia portar-me bem e não dizer palavras feias como merda e outras senão o Pai do Céu picava-me a língua. Eu tinha medo de ter a língua picada e não poder comer. Também gostava de aprender coisa novas. O meu avô um homem simples e muito curioso dizia-me muitas vezes
-Zé, a melhor maneira de aprender é fazendo as coisas.
Ele até usava uma palavra para mim um bocado difícil, que era experiência. O certo é que foi um pouco a partir dessa ideia do avô, que eu um dia fiz a acção que me envergonhava.  Costumava brincar com umas primas que moram na rua a seguir à minha. Desde que entrei para a escola que não brincamos. Agora é moças de um lado e rapazes do outro. E se brincar com elas chamam-me maricas e às meninas “machonas”. Só nos juntamos nos bailes dos mais velhos e lá andamos agarrados arrastando os pés ao som da concertina do Venâncio. Aí até o senhor professor nos ajuda, pois estamos a aprender a bailar.
Quando tinha seis anos brincava com as primas, Três-Marias, a da Consolação, a da Encarnação e da Purificação. Havia ainda as mais pequenitas que se chamavam Judite e Hortense. A Maria da Consolação é da minha idade. As outras como uma escaleira a descer eram  mais novas. Por isso foi a Maria da Consolação que escolhi para fazer a tal experiência que os nossos pais faziam para ter os filhos. Eu não sabia se a Maria acreditava na história da cegonha. Mas se fosse esperta já tinha percebido que as cegonhas só estavam no verão e os meninos chegavam todo o ano.
No fim do Verão fui com as primas visitar a escola para onde eu e a Maria íamos em Outubro. É uma grande casa com grandes janelas de vidro. Muito diferente das casas onde nós moramos. Fica fora da aldeia, num serro. A casa que está mais perto é a do meu avô, que a fez ali porque não gosta de misturas. Quando íamos para a escola até vi a avó, sentada ao soalheiro a remendar umas calças do avô. Na parte de trás da escola tem um pátio com telhado, e ao fundo retretes sempre fechadas. Ao lado das retretes há um espaço com uma bacia branca e uma torneira que nunca deita água. Foi aí que disse à Maria da Consolação:
-Vamos fazer um menino?
A Maria não disse nada e pôs-se a jeito. Também não acreditava na cegonha. Deitou-se de barriga para cima no chão duro de mosaicos e levantou o vestido. Às outras primas disse para taparem os olhos que aquilo não era coisa para ver. Estávamos quase a começar a experiência quando ouvimos passos. Logo nos compusemos, mesmo antes de aparecer uma pessoa magra, de cara com rugas: a avó.
-Não há mal. Estamos a brincar às escondidas, disse-lhe.
Nesse ano entrámos para a escola e ao mesmo tempo para a catequese. Não voltámos às brincadeiras. Eu com os moços jogava à bola. As moças aprendiam as lidas da casa. Na escola estamos divididos por fios de arame. Na igreja temos catequese separada. A minha catequista a menina Glorinha já tem noivo e está preparada para ter meninos. Tem umas grandes mamas para lhe dar de comer. Foi na catequese que aprendi que podemos pecar por pensamentos, palavras e obras. Mas a menina Glorinha assustou-me mais,pois disse que se pecássemos íamos para o inferno, um sítio onde éramos cozidos.
No dia em que fui confessar-me ia  muito assustado. Confessei tudo ao senhor padre. Ele quis saber se tinha pecado por pensamento ou por obra. Como foi só por pensamento perdoou-me, mas tive de rezar pais-nossos, aves-marias e salve rainhas. Levei quase um mês a cumprir a penitência. Começava a reza ao deitar e pouco depois já estava a dormir. No outro dia tinha de recomeçar.
Hoje sinto-me aliviado. Não vou cometer mais esse pecado. Nem esse nem outros. Não tiro os ovos dos ninhos, como O Manel Passarinho, não chamo nomes feios aos outros, não vou para as várzeas da ribeira comer fruta alheia, nem desrespeito pai e mãe. Bem, desrespeitei uma vez  quando fui andar numa barca de canas na ribeira cheia com o  Chico Maltês, um matulão com o dobro da minha idade. Isso foi faz quatro anos, e o meu pai deu-me tantas cinturadas que ainda hoje me doem as nádegas. Nunca confessei esse pecado. Já tinha passado tanto tempo que penso que o Pai do Céu que tem tanto pecado para perdoar, se  deve ter esquecido desse.
Nessa coisa de fazer menino vou esperar. Quando for grande logo penso nisso. Agora vou é aprender a gramática, a história, a geografia e as ciências. Gosto muito de escrever redacções. E o senhor professor também gosta de as ler. Mas esta não lha vou entregar. Fica para um dia me lembrar do tempo em que cometi o primeiro pecado. E só eu, a Maria, o senhor padre e o Pai do Céu é que sabemos.
Registado
Goreti Dias
Contribuinte Activo
*****
Offline Offline

Sexo: Feminino
Mensagens: 18125
Convidados: 993



WWW
« Responder #1 em: Janeiro 03, 2017, 20:49:46 »

E sabemos nós agora também. rsrsr
Registado

Goretidias

 Todos os textos registados no IGAC sob o número: 358/2009 e 4659/2010
Nação Valente
Contribuinte Activo
*****
Offline Offline

Mensagens: 907
Convidados: 0


outono


« Responder #2 em: Janeiro 26, 2017, 18:37:58 »

Pois, segredo de Polichinelo. Ou se é segredo nunca pode ver a luz do dia.
Registado
Páginas: [1]   Ir para o topo
  Imprimir  
 
Ir para:  

Parcerias
Buffering...Buffering...

O seu destaque aqui...
Recentemente
[Março 22, 2017, 20:19:08 ]

[Março 22, 2017, 14:01:58 ]

[Março 22, 2017, 13:58:25 ]

[Março 22, 2017, 13:39:10 ]

[Março 22, 2017, 13:37:07 ]

[Março 22, 2017, 13:32:07 ]

[Março 17, 2017, 18:39:22 ]

[Março 09, 2017, 03:44:50 ]

[Março 09, 2017, 03:01:00 ]

[Março 08, 2017, 13:45:02 ]
Membros
Total de Membros: 789
Ultimo: Liliana Josué
Estatísticas
Total de Mensagens: 126428
Total de Tópicos: 25723
Online hoje: 157
Máximo Online: 368
(Novembro 05, 2009, 22:05:48 )
Utilizadores Online
Users: 0
Convidados: 95
Total: 95
Últimas 30 mensagens:
Fevereiro 22, 2017, 07:23:30
Bom dia!
Dezembro 24, 2016, 22:23:10
Boas Festas para todos os que por aqui navegam.
Dezembro 24, 2016, 11:32:23
Desejos de Bom Natal, PAZ, Amor e uns trocados. FigasAbraço a todos
Setembro 08, 2016, 19:38:09
Já está publicada a lista final de autores para a coletânea - 129
Setembro 07, 2016, 20:57:46
Boa noite a todos.
Setembro 06, 2016, 18:31:36
Boa tarde a todos
Setembro 01, 2016, 15:26:02
OLÁ!!!
Agosto 24, 2016, 05:49:47
Bom dia a todos
Agosto 04, 2016, 08:39:17
bom dia a todos
Julho 08, 2016, 18:22:38
Olá, Alice e Nação Valente!
Junho 13, 2016, 12:51:19
Em fase final de seleção de textos para a rádio. Inscreva-se!
Maio 30, 2016, 16:17:57
Apagamos o pdf, Nelson.
Maio 30, 2016, 16:13:58
Nelson, vamos apagar a sua resposta pois expôs os seus dados publicamente. Essa ficha deve ser mandada por mail para administracaoescritartes@gmail.com
Maio 13, 2016, 21:41:50
Boa noite. Há que ror de horas nada ponho aqui. Hoje, choveu para cima. FigasRgds
Abril 08, 2016, 20:16:46
Olá para todos! Boas escritas e formidáveis leituras para todos!
Março 27, 2016, 08:51:07
Páscoa feliz!
Março 27, 2016, 08:50:45
Bom dia!
Fevereiro 17, 2016, 20:00:55
Não consigo aceder à caixa de comentários do "Esfaqueador da Régua". Alerta de spammer. Que fazer?
Fevereiro 01, 2016, 21:16:09
Boas leituras e melhores escritas
Fevereiro 01, 2016, 21:16:08
Boas leituras e melhores escritas
Fevereiro 01, 2016, 21:15:36
Boa noite a todos
Janeiro 23, 2016, 19:55:03
Boa noite a todos
Janeiro 19, 2016, 17:13:16
Boa tarde. Smiley
Janeiro 08, 2016, 21:14:02
As primeiras 10 gravações estão na página inicial, na playlist e os vídeos estão no Quadro "Virtual 2D e 3 D" pela ordem de gravação
Janeiro 07, 2016, 21:21:52
Clicar no link para ouvirem e verem todos os vídeos das poesias gravadas para a rádio.
Janeiro 05, 2016, 18:50:30
Olá para todos! Feliz 2016! Palavras e sonhos, sorriso e poesia!
Janeiro 05, 2016, 17:49:20
Vídeos das gravações da rádio no quadro Virtual 3D e 2D
Janeiro 02, 2016, 17:18:26
Já podem ouvir as novas gravações enviadas para as rádios. Podem dar autorização para novas gravações (quem ainda não deu)
Janeiro 01, 2016, 22:07:44
Olá. 2016  Já chegou! Tratem-no bem. Embalem-no até 31/12. depois abram o champanhe. TCHIM TCHIM, Bom Ano. FigasRgds a todos
Logos
Buffering...

Firefox 2 xspf player AJAX powered Powered by MySQL 5 Powered by PHP 5 Powered by HoneyPot project Hacker Trap
CSS Valid CSS 2.0 Valid RSS 1.0 Valid RSS 2.0 Valid XHTML Valid
Powered by SMF 1.1.20 | SMF © 2006-2007, Simple Machines
TinyPortal v0.9.8 © Bloc
Página criada em 0.169 segundos com 28 procedimentos.