EscritArtes
Abril 10, 2020, 18:01:59 *
Olá, Visitante. Por favor Entre ou Registe-se se ainda não for membro.

Entrar com nome de utilizador, password e duração da sessão
Notícias: Regulamento do site
http://www.escritartes.com/forum/index.php/topic,9145.0.html
 
  Início   Fórum   Ajuda Entrar Registe-se   *
Páginas: [1]   Ir para o fundo
  Imprimir  
Autor Tópico: NOSSA FRÁGIL DEMOCRACIA E O TRESLOUCADO SEBASTIANISMO: O FENÔMENO BOLSONARO  (Lida 93 vezes)
0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.
CAMPISTA CABRAL
Contribuinte Activo
*****
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 1647
Convidados: 0


Escritor, poeta, cineasta amador e roteirista.


« em: Março 11, 2020, 21:16:59 »

Ah! Nossa frágil democracia…

Nossa história republicana é cheia de sobressaltos, golpes, conflitos de interesses, mas nunca, em nenhum momento, fomos tão patéticos quanto agora…

Como chegamos a este cenário tão absurdo?

O caminho é complexo e há de se considerar vários aspectos. Dentre eles, destaco a corrosão da imagem dos políticos brasileiros, a frustração com o PT e sua traição e, não menos dramática, a total ineficiência do sistema político-eleitoral e suas engrenagens corruptíveis.

Vamos por ordem.

Há muitas décadas, isso pra falar apenas no período de redemocratização, a classe política perde, a cada nova eleição, mais e mais respeito. O descrédito com a política e os políticos só aumenta. A cada escândalo, a cada novo esquema, o desestímulo do eleitor ganha volume. Com isso, de uns tempos pra cá, candidatos aventureiros, kamikazes e figuras sombrias e/ou patéticas têm se tornado constantes nos pleitos. Cada vez mais despreparados, boa parte dos candidatos se lança não com o intuito de mudar o país, mas com a vontade de mudar a própria vida. O desaparecimento de figuras mais sólidas deixou o primeiro vazio na frágil democracia tupiquinim.

Outro ponto diz respeito às gestões petistas com a primeira vitória de Luís Inácio Lula da Silva. Quem tem entre 35 e 55 anos, sabe do que vou falar. Vivi a minha juventude tendo o PT como referência de partido de oposição. O partido dos trabalhadores, das greves, das grandes manifestações, das cobranças. Quando Lula consegue, enfim, chegar à presidência, muitos comemoraram como um sinal de avanço democrático, afinal, um homem de origem humilde, alcançava o posto mais alto da nação. E, sim, muitos de nós viam o PT não com desconfiança, mas como a grande virada do Brasil. Entretanto, a partir do desmonte estabelecido pelo mensalão e pelo petrolão, o PT viu alguns de seus grandes nomes serem colocados na lama, um a um, o que levou outras importantes referências a deixar o partido. A luta contra a corrupção, bandeira tanto defendida, foi jogada pra escanteio, como se nada fosse. Conquistas sociais acabaram ficando em segundo plano. O sentimento de traição foi enorme. O sentimento era o de fazer, mais uma vez, papel de otário (e não estou entrando no mérito do processo e prisão do ex-presidente ou da atuação de Sérgio Moro. Há muitos pontos não resolvidos, parcialidade no julgamento, entre outros problemas, o que, de modo algum, pode minimizar a corrupção, que foi real e devastadora). O segundo vazio na nossa tão cambaleante democracia estava posto.

Para piorar ainda mais, nosso sistema político-eleitoral se distancia dos brasileiros com as suas regras esdrúxulas, como o quociente eleitoral, a forma como se dá a suplência dos cargos,  a quantidade de partidos e um sem fim de outras bizarrices que transmitem ao eleitor a perplexidade de não fazer parte do jogo nunca. Com partidos nanicos, de aluguéis, com o fisiologismo de várias siglas (à esquerda ou à direita, tanto faz) e com a falta de representatividade e identidade destes mesmos partidos para com a população, cria-se o terceiro vazio na nossa pobre e pálida democracia.

Estes três vazios, buracos no nosso espaço político, tornaram possível a eleição de Jair Messias Bolsonaro. Candidato que há alguns anos seria impensável para a maioria absoluta dos brasileiros. E acredito nisso. Culpar tão simplesmente o próprio brasileiro pela ascensão de um homem que em nada lembra um presidente da república é de uma simplicidade ridícula. Sim. Todos têm responsabilidade sobre o fato. Sim. O sucateamento da educação também colabora para isso, pois uma nação ignorante sempre seguirá subserviente. Sim, há vários setores no país que sustentam e defendem o projeto político que ora ocupa o planalto, de forma direta ou indireta, como parte da mídia oficial que agora se vê como o criador contra a criatura.

No entanto, se os fatores aqui mencionados não chegassem ao ponto atual, o cenário para a tragédia que agora vivemos não se concretizaria.

Nossos políticos viveram como se nada de errado estivesse acontecendo. Viveram como se morassem no Olimpo. Ganharam a antipatia geral.

O PT, para governar, aliou-se aos representantes mais escusos e torpes da nossa política e não fez sua autocrítica em nenhum momento. Como se nada de errado estivesse acontecendo, continuou e continua a sua narrativa. Vive como se estivesse em outro plano. Conseguiu alimentar e, de certa forma, ajudar a construir o antipetismo.

Nosso sistema, por sua vez, cria e mantém privilégios, burocratiza tudo em todas as instâncias e etapas, sendo, por isso, lento e pesado. O judiciário expõe a grande discrepância dessa balança estrutural: poucos com altos privilégios  e encastelados, dentro de redomas, espelham um país terrivelmente injusto e parcial.

Assim, somadas todas as circunstâncias e bem pesados todos os aspectos, Jair Bolsonaro se torna nosso atual presidente.

Agora, terrivelmente, temos um momento surreal na nossa história “democrática”: uma convocação para o fechamento do congresso e do STF.

Um congresso fraco e sem representatividade, um judiciário questionado e sem credibilidade mais um presidente descontrolado são ingredientes para a barbárie e para o caos.

Eu não tenho informação na história do país de que um grupo tão incapaz tivesse conseguido o comando de tão importantes postos, do meio ambiente à educação, da economia à (des)cultura, enfim, o que temos hoje é algo inominável.

Bolsonaro é, sem dúvida alguma, o homem mais despreparado da república para representá-la. A postura constantemente beligerante, como se estivesse em perpétua guerra, a truculência e a arrogância, parceiras inseparáveis de falas, gestos e posts, o comportamento inadequado e o tom preconceituoso não podem jamais serem aceitos como características de um chefe de estado.

O que torna a situação ainda mais grave, como se isso já não fosse o suficiente, é usar a fé e o nome de Deus para se alcançar objetivos nada cristãos. Travestido de um sebastianismo tresloucado, o culto a Bolsonaro, mais uma vez nos oferece um salvador da pátria. Um salvador sem contestação!

Esta crônica poderia se alongar ainda mais e isso seria um erro, por dois motivos: primeiro porque deixaria de ser uma crônica e, não mais importante, em tempos de pós-verdade, por mais que escreva e fale a respeito, as pessoas acreditarão naquilo que for melhor contado ou naquilo que for mais conveniente.

Até quando nossa democracia suportará, eis a questão!
Registado

CANAL NO YOUTUBE
https://www.youtube.com/channel/UCJ5TRvaPtHNN5sxar_GuuCg

TEXTOS DO AUTOR NOS SITES:

http://cronicascariocas.com/colunista/campista-cabral/

https://www.recantodasletras.com.br/autor_textos.php?id=62723

Proibida a reprodução total ou parcial dos textos sem a prévia autori
Páginas: [1]   Ir para o topo
  Imprimir  
 
Ir para:  

Recentemente
[Abril 07, 2020, 18:04:51 ]

[Abril 05, 2020, 23:57:19 ]

[Abril 05, 2020, 23:52:17 ]

[Abril 05, 2020, 10:21:50 ]

[Abril 04, 2020, 15:50:14 ]

[Abril 04, 2020, 09:54:11 ]

[Abril 03, 2020, 23:33:44 ]

[Abril 02, 2020, 23:40:02 ]

[Abril 02, 2020, 17:55:15 ]

[Abril 02, 2020, 16:48:36 ]
Membros
Total de Membros: 791
Ultimo: Bruna Brunelleshi
Estatísticas
Total de Mensagens: 128311
Total de Tópicos: 26341
Online hoje: 224
Máximo Online: 630
(Março 31, 2019, 09:49:42 )
Utilizadores Online
Users: 0
Convidados: 201
Total: 201
Últimas 30 mensagens:
Abril 04, 2020, 09:57:10
Bom dia para todos!
Março 20, 2020, 15:06:31
Olá para todos!
Março 19, 2020, 22:59:05
Olá para todos! Espero que estejam bem, na medida do possível!
Fevereiro 18, 2020, 18:50:53
Olá Margarida. Seja bem aparecida.
Fevereiro 18, 2020, 18:41:32
Boas!
Fevereiro 10, 2020, 19:37:51
Boa noite!
Janeiro 29, 2020, 20:06:36
Oi pessoal. FigasAbraço
Janeiro 27, 2020, 20:16:38
Boa noite a todos
Janeiro 15, 2020, 17:52:14
Boa tarde a todos
Janeiro 10, 2020, 14:03:15
Boa tarde a todos
Janeiro 06, 2020, 14:46:26
Boa tarde a todos
Janeiro 01, 2020, 20:02:37
Bom ano feliz para todos.
Janeiro 01, 2020, 10:32:02
Bom Ano!
Dezembro 18, 2019, 16:48:08
Boa tarde!
Dezembro 06, 2019, 20:13:01
Boa noite feliz para todos
Dezembro 02, 2019, 21:57:04
Boa noite feliz para todos.
Dezembro 01, 2019, 19:51:29
Boa noite feliz para todos
Dezembro 01, 2019, 18:52:15
Boa noite!
Novembro 29, 2019, 20:32:37
Boa noite feliz para todos.
Novembro 29, 2019, 17:37:17
Boa tarde!
Novembro 29, 2019, 17:35:53
Boa tarde a todos!
Novembro 12, 2019, 18:18:18
um abraço para a administração, para quem dinamiza este espaço, seja como escritor, como leitor, como comentador.
Novembro 12, 2019, 18:15:54
margarida, plenamente de acordo.
Novembro 11, 2019, 11:31:31
Bom dia. Se todos fizerem igual, não há comentários.
Novembro 09, 2019, 14:53:10
Oi Dionísio. Obrigado pelo teu comentário. Desculpa eu ser relapso a fazer muitos comentários. Evito-os, para não  louvar uns ou criticar outros. Prefiro ficar na minha, ficar no que me parece. O meu principio geral: escrever, quem lê lê, quem não lê não lê. Ponto. Leio poesia d'outros, m
Novembro 01, 2019, 14:41:40
Boa tarde  todos. Os que estão e os que virão.
Outubro 31, 2019, 14:58:38
Parabéns, Figas. Parabéns a todos os que lêem e que escrevem, parabéns a todos os que partilham escritas e comentários.
 
Outubro 10, 2019, 12:24:06
Bom dia. Hoje, andaei a pastar pelas 351 páginas da poesia e encontrei 32 poemas meus, milionários de leituras. com média de 1209 leituras cada. Obrigado a todos os meus contribuintes de lucros poéticos. FigasAbração, a todos. Nota: O Campeão é o Linguagem Decente, com 3692 leituras.Viva a D
Julho 29, 2019, 22:55:56
Olá para todos! Boas histórias e boas escritas!
Julho 02, 2019, 07:05:22
Bom dia!
Powered by MySQL 5 Powered by PHP 5 CSS Valid
Powered by SMF 1.1.20 | SMF © 2006-2007, Simple Machines
TinyPortal v0.9.8 © Bloc
Página criada em 0.169 segundos com 29 procedimentos.