EscritArtes
Janeiro 29, 2023, 18:08:09 *
Olá, Visitante. Por favor Entre ou Registe-se se ainda não for membro.

Entrar com nome de utilizador, password e duração da sessão
Notícias: Regulamento do site
http://www.escritartes.com/forum/index.php/topic,9145.0.html
 
  Início   Fórum   Ajuda Entrar Registe-se   *
Páginas: [1]   Ir para o fundo
  Imprimir  
Autor Tópico: O PAÍS QUE SURTOU  (Lida 50 vezes)
0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.
CAMPISTA CABRAL
Contribuinte Activo
*****
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 1700
Convidados: 0


Escritor, poeta, documentarista e roteirista.


« em: Janeiro 24, 2023, 16:32:31 »

Deixo aqui, como registro de um tempo de brutalidade, de insensibilidade, de obscurantismo... Deixo aqui, como testemunho desse tempo... O que fica é a esperança de que a democracia, por mais complexa que seja, é o melhor caminho...

Os vidros do Palácio do Planalto não suportaram as pancadas. O prédio do STF também não resistiu à turba que tomou Brasília, assim como o congresso teve diversos mobiliários destruídos… Obras de arte foram destruídas ou danificadas, como um Di Cavalcanti (muitos  dos vândalos sequer ouviram falar a respeito do excepcional artista). Gritos e destruição e selvageria engoliram a capital federal no domingo, dia 08 de janeiro. Cenas jamais vistas, assustaram boa parte dos brasileiros na fatídica tarde!

Mas o que está acontecendo com o nosso país?

Ao longo dos quatro últimos anos, o meu país ficou mais intolerante e agressivo.

Ao longo dos quatro últimos anos, o meu país ouviu (incentivado por uma tacanha criatura que ocupou a presidência) ódio, indiferença, desprezo, preconceito e toda a sorte de coisas ruins possíveis e impossíveis de se acreditar.

Ao vencer as eleições em 2018, Bolsonaro havia aberto a caixa de Pandora, uma caixa muito bem escondida nas últimas décadas, no entanto, aberta, mostrou exatamente como pensam alguns de seus eleitores. Pessoas que se sentem superiores e melhores que outras e, portanto, podem fazer o que quiserem sem dar satisfação. Armas, muitas armas para se defender à vontade! Defesa de tortura e torturadores, misturada a uma interpretação deturpada sobre direitos humanos! Racismo e machismo em falas, comportamentos e políticas de governo, tudo escancarado pelas redes sociais. E tudo dito como se fosse normal!

Ao longo dos últimos quatro anos, o sistema eleitoral e as instituições foram constantemente atacados! Com informações falaciosas, as urnas foram objeto da fúria ensandecida dos chamados bolsonaristas! E assim foi, ao longo do tempo, com frequência e com método.

Ao longo dos quatro últimos anos, a rispidez, a grosseria, a falta de preparo, a falta de empatia com as vítimas da Covid e a arrogância foram comuns, tornaram-se hábito!

Ao longo dos últimos quatro anos, o ódio foi disseminado como nunca, auxiliado pela força e rapidez da internet, atingindo milhares de casas e pessoas.

Nunca ficamos tão divididos e pouquíssimas casas brasileiras saíram ilesas! Grande parte das famílias esteve envolvida em algumas discussões políticas e a toxicidade destas discussões foi e continua sendo a realidade de cada dia! Nunca mais fomos os mesmos!

Aí está o legado do bolsonarismo: caos, divisão, destruição, vandalismo, terrorismo, irracionalidade, brutalidade e loucura!

Vendo-se representados por seu líder, seus seguidores se sentiram autorizados a fazer, falar e se comportar da forma mais grosseira, do jeito mais torpe… Muitos foram os casos, mais uma vez, registrados nas redes.

Discursos violentos foram concretizados em atos tresloucados por muitos apoiadores como Carla Zambelli, deputada federal, que perseguiu, de arma em punho, uma pessoa pelas ruas de São Paulo, colocando em risco qualquer desavisado que estivesse próximo; como Roberto Jefferson, político de longa data, após receber voz de prisão, respondeu, com muitas balas e explosivos, a polícia federal, atingindo e ferindo um agente; como Sara Winter, mais uma, com arma em punho, vociferando palavras de ordem contra o STF… Incansáveis foram os exemplos ao longo dos quatro últimos anos.

Nosso país, como num surto coletivo, vive uma situação extremamente grave e, ao mesmo tempo, patética, muitos homens e mulheres agem mesmo como se estivessem lutando por algo maior e este cronista não quer acreditar que todos os apoiadores de Jair Messias sejam canalhas, pessoas perversas ou coisas do gênero. O cronista acredita que muitos (e espero que haja salvação para estes casos) como que hipnotizados, lobotomizados, seguem sem raciocinar, apenas obedecendo sem contestação, absortos que estão em suas bolhas virtuais.

Esse grupo, como numa seita, não enxerga, não questiona e, por vezes, transtornado, não admite qualquer crítica!

Os bloqueios das estradas no final do ano de 2022 foi mais um sinal!

Desta maneira, não é de se estranhar, infelizmente, o que ocorreu no distrito federal. É uma consequência natural dos últimos quatro anos de discursos e exemplos.

O que temos aqui não é uma discussão sobre esquerda e direita, mas sobre o estado democrático de direito.

Lula e o PT, por mais críticas que se tenha (e o cronista as tem) não faz oposição ao bolsonarismo. O bolsonarismo é o contrário de democracia!

Quem pregou e prega intervenção militar, não aprecia um estado democrático!

E, como num espetáculo, munidos com as câmeras de seus smartphones, homens e mulheres gravam impropérios, fazem ameaças, disseminam desinformação e alimentam a cadeia de ódio que tomou conta do Brasil.

O meu país não pode ser este! O meu país não pode continuar a ser este!

Este lugar em que agora vivo, tornou-se um gigantesco hospício…

Sim, Jair Messias Bolsonaro é responsável pelo aconteceu.

Mas também é correto observar que o bolsonarismo trabalhou e trabalha com meias verdades. Justamente em cima de meias verdades, as chamadas “narrativas” ganharam volume e atingiram as massas. Duas delas são sintomáticas: a corrupção endêmica do sistema político brasileiro e o encastelamento e os privilégios do judiciário. Tanto em um quanto em outro, criou-se uma distância gigantesca entre os que têm um poder e uma pessoa comum, fazendo com que o brasileiro não se sinta minimamente representado.

Sim, congresso, judiciário e vários setores da sociedade também são responsáveis pelo que aconteceu.

Assim também como as Big Techs, responsáveis por plataformas e aplicativos, estimularam a polarização, criando “bolhas” e alimentando os discursos extremistas, dando voz e poder a centenas de pessoas sem qualquer preocupação com o estado democrático de direito.

Ao longo dos últimos quatro anos, parte da sociedade fechou os olhos para a truculência e os absurdos cometidos. Fechou os olhos por conta do mercado! Fechou os olhos por conta do jogo político! Fechou os olhos por indecente conveniência! Por tantos outros motivos, a ameaça foi solenemente ignorada!

Há, com urgência, a necessidade de um mea culpa, de um esforço coletivo muito grande para que o país saia do surto e do buraco sem fundo em que se meteu.

Sem isso, dificilmente teremos um projeto de nação!
Registado

CANAL NO YOUTUBE
https://www.youtube.com/channel/UCJ5TRvaPtHNN5sxar_GuuCg

TEXTOS DO AUTOR NOS SITES:

http://cronicascariocas.com/colunista/campista-cabral/

https://www.recantodasletras.com.br/autor_textos.php?id=62723

Proibida a reprodução total ou parcial dos textos sem a prévia autori
Páginas: [1]   Ir para o topo
  Imprimir  
 
Ir para:  

Recentemente
[Janeiro 28, 2023, 15:56:05 ]

[Janeiro 28, 2023, 15:53:10 ]

[Janeiro 27, 2023, 22:32:32 ]

[Janeiro 27, 2023, 19:44:04 ]

[Janeiro 24, 2023, 16:37:13 ]

[Janeiro 24, 2023, 16:32:31 ]

[Janeiro 24, 2023, 16:28:43 ]

[Janeiro 22, 2023, 18:40:29 ]

[Janeiro 10, 2023, 20:56:29 ]

[Janeiro 10, 2023, 20:54:00 ]
Membros
Total de Membros: 792
Ultimo: Leonardrox
Estatísticas
Total de Mensagens: 129865
Total de Tópicos: 26600
Online hoje: 487
Máximo Online: 630
(Março 31, 2019, 09:49:42 )
Utilizadores Online
Users: 0
Convidados: 325
Total: 325
Últimas 30 mensagens:
Janeiro 01, 2023, 20:15:54
Bom Ano! Obrigada pela companhia!
Dezembro 30, 2022, 19:42:00
Entrei para desejar um novo ano carregado de inflação de coisas boas para todos
Novembro 10, 2022, 20:31:07
Partilhar é bom! Partilhem leituras, comentários e amizades. Faz bem à alma.
Novembro 10, 2022, 20:30:23
E, se não for pedir muito, deixem um incentivo aos autores!
Novembro 10, 2022, 20:29:22
Boas leituras!
Novembro 10, 2022, 20:29:08
Boa noite!
Setembro 05, 2022, 13:39:27
Brevemente, novidades por aqui!
Setembro 05, 2022, 13:38:48
Boa tarde
Outubro 14, 2021, 00:43:39
Obrigado, Administração, por avisar!
Setembro 14, 2021, 10:50:24
Bom dia. O site vai migrar para outra plataforma no dia 23 deste mês de setembro. Aconselha-se as pessoas a fazerem cópias de algum material que não tenham guardado em meios pessoais. Não está previsto perder-se nada, mas poderá acontecer. Obrigada.

Maio 10, 2021, 20:44:46
Boa noite feliz para todos
Maio 07, 2021, 15:30:47
Olá! Boas leituras e boas escritas!
Abril 12, 2021, 19:05:45
Boa noite a todos.
Abril 04, 2021, 17:43:19
Bom domingo para todos.
Março 29, 2021, 18:06:30
Boa semana para todos.
Março 27, 2021, 16:58:55
Boa tarde a todos.
Março 25, 2021, 20:24:17
Boia noite para todos.
Março 22, 2021, 20:50:10
Boa noite feliz para todos.
Março 17, 2021, 15:04:15
Boa tarde a todos.
Março 16, 2021, 12:35:25
Olá para todos!
Março 13, 2021, 17:52:36
Olá para todos!
Março 10, 2021, 20:33:13
Boa feliz noite para todos.
Março 05, 2021, 20:17:07
Bom fim de semana para todos
Março 04, 2021, 20:58:41
Boa quinta para todos.
Março 03, 2021, 19:28:19
Boa noite para todos.
Março 02, 2021, 20:10:50
Boa noite feliz para todos.
Fevereiro 28, 2021, 17:12:44
Bom domingo para todos.
Fevereiro 26, 2021, 21:31:48
Bom fim de semana para tod@s.
Fevereiro 25, 2021, 20:52:03
Boa noite a todos.
Fevereiro 24, 2021, 20:43:45
Boa noite a todos.
Powered by MySQL 5 Powered by PHP 5 CSS Valid
Powered by SMF 1.1.20 | SMF © 2006-2007, Simple Machines
TinyPortal v0.9.8 © Bloc
Página criada em 0.12 segundos com 27 procedimentos.